Arquivo por tag: R136a1

fev 27

A nebulosa da Tarântula processada por Robert Gendler e Roberto Colombari

A magnífica nebulosa da Tarântula possui mais de mil anos luz de diâmetro. Trata-se de uma gigantesca região de formação estelar dentro da vizinha galáxia satélite Grande Nuvem de Magalhães, que reside a 180.000 anos luz de distância da Terra. De fato, os cientistas julgam que essa nebulosa é a mais violenta área de criação de estrelas …

Continue lendo »

jan 24

O violento aglomerado estelar R136 nas Nuvens de Magalhães

No centro da região de formação estelar 30 Doradus reside um enorme aglomerado que contém algumas das mais massivas e luminosas estrelas conhecidas. Essas estrelas, que fazem parte do conhecido aglomerado estelar R136, foram capturadas na imagem em destaque em luz visível pela câmera WFC3 (Wide Field Camera 3) do Hubble, em 2009.

Continue lendo »

jul 21

R136a1: Os astrônomos do ESO descobrem a estrela mais luminosa e também a mais massiva do Universo conhecido

Qual é a estrela mais brilhante? Qual é a estrela mais massiva? Combinando os dispositivos do Very Large Telescope do ESO, os astrônomos observaram algumas estrelas com a maior massa já descobertas até agora, uma delas que possuía mais de 300 M☼ (300 vezes a massa do Sol) quando se formou, ou seja, com duas …

Continue lendo »

error: Esse blog é protegido!