Arquivo por tag: Paranal

jul 08

ESO: as maiores explosões no Universo são originadas pelos magnetares mais fortes

http://www.eso.org/public/images/eso1527a/

Algumas explosões de raios gama de longa duração têm origem em estrelas magnéticas Observações obtidas nos Observatórios do ESO em La Silla e Monte Paranal no Chile demonstraram pela primeira vez que existe uma ligação entre uma explosão de raios gama de longa duração e uma explosão de supernova de brilho incomum. Os resultados mostram …

Continue lendo »

jun 19

ESO VLT: Uma mistura de cores e maravilhas celestes

http://cdn.eso.org/images/large/potw1524a.jpg

O Observatório do Paranal do ESO é um dos melhores lugares sobre a Terra para se observar o céu noturno. Esta fotografia panorâmica do Very Large Telescope do ESO (VLT) instalado na plataforma do Cerro Paranal, no Chile, foi tirada por Babak Tafreshi, um dos Embaixadores Fotográficos do ESO. Uma mistura de cores varre o céu, desde o vermelho …

Continue lendo »

maio 26

Pôr do Sol sobre o Monte Paranal exibe raios crepusculares

http://www.eso.org/public/images/potw1426a/

O Sol se põe sobre o Observatório do Paranal, pintando toda uma paleta de tons sutis ao longo do céu e fazendo lembrar uma paisagem de Monet. As escassas nuvens brilham com os últimos raios de Sol e a claridade forte do ar é quase palpável, enfatizando a razão pela qual o ESO selecionou esta …

Continue lendo »

maio 25

ESO: O nascer da Via Láctea no Paranal

http://cdn.eso.org/images/wallpaper5/potw1521a.jpg

Na fotografia acima, capturada pelo Embaixador Fotográfico do ESO Yuri Beletsky, o edifício de controle no Observatório do Paranal pode ser visto por baixo de uma Via Láctea em destaque, nascendo tal como o proverbial pote de ouro no final de um arco-íris celeste. Este edifício é o centro nervoso das operações do observatório no …

Continue lendo »

maio 13

ESO: VLT descobre um novo tipo de aglomerados estelares globulares – os aglomerados escuros

Observações obtidas com o Very Large Telescope do ESO, no Chile, revelaram uma nova classe de aglomerados estelares globulares “escuros” situados em torno da galáxia gigante Centaurus A. Estes objetos misteriosos parecem-se com aglomerados normais, mas contêm muito mais massa e podem abrigar quantidades inesperadas de matéria escura ou então conter buracos negros massivos. Nenhuma …

Continue lendo »

maio 08

ESO: primeira luz do novo laser instalado no VLT em Monte Paranal

http://www.eso.org/public/images/ann15034d/

A equipe da 4 Laser Guide Star Facility (4LGSF, Infraestrutura de Estrela Guia Laser 4) alcançou a primeira luz com a primeira de quatro unidades de estrela guia laser montada no Telescópio Principal número 4 do Very Large Telescope do ESO, no Paranal. Este é um passo crucial no sentido de criar uma Infraestrutura de Ótica Adaptativa completa. Uma …

Continue lendo »

maio 01

ESOcast 74 – Mapeando os céus meridionais

http://www.eso.org/public/brazil/videos/esocast74a/

O vídeo ESOcast 74 mostra os dois telescópios de rastreamento instalados no Paranal: o Visible and Infrared Survey Telescope for Astronomy (VISTA) e o VLT Survey Telescope (VST). Estes telescópios mapeiam o céu austral em busca da proverbial de “agulha no palheiro”, ou seja, em busca de objetos astronômicos raros, tais como aglomerados estelares escondidos …

Continue lendo »

mar 11

ESO: Paisagem cósmica revela uma pletora de estrelas na constelação do Altar

Esta paisagem extraordinária na constelação meridional do Altar (Ara) contém um tesouro de objetos celestes. Aglomerados de estrelas, nebulosas de emissão e regiões de formação estelar ativa são apenas alguns dos objetos mais ricos observados nesta região, que se situa a cerca de 4.000 anos-luz de distância da Terra. Esta bela imagem mostra-nos a vista …

Continue lendo »

fev 12

ESO: Novos telescópios NGTS caçadores de exoplanetas entram em operação no Monte Paranal

http://www.ngtransits.org/prototype.shtml

O Next-Generation Transit Survey (NGTS) entrou em operação no Observatório do Paranal do ESO, no norte do Chile. Este projeto procurará exoplanetas em trânsito, corpos que passam em frente da sua estrela progenitora, ocasionando uma pequena diminuição do brilho estelar, a qual pode ser detectada por instrumentos muito sensíveis. O foco dos telescópios será a descoberta …

Continue lendo »

jun 24

ESO: Buraco negro supermassivo na galáxia ativa NGC 3783 revela surpresas

O interferômetro do Very Large Telescope do ESO obteve as observações mais detalhadas até hoje da poeira situada em torno do enorme buraco negro que se encontra no centro da galáxia ativa NGC 3783. Em vez de encontrar toda a poeira brilhante num toro em forma de rosquinha circundando o buraco negro, os astrônomos descobriram …

Continue lendo »

Posts mais antigos «

» Posts mais novos

error: Esse blog é protegido!