ROCA

Detalhes do autor

Nome: Ricardo De Castro
Data de registro: 22/04/2009
URL: http://eternosaprendizes.com

Últimos Posts

  1. GW170817/GRB170817A: Fusão de Estrelas de Nêutrons fornece um novo enigma astronômico — 19/01/2018
  2. ESO MUSE: Comportamento estranho de estrela revela buraco negro solitário no aglomerado estelar gigante NGC 3201 — 17/01/2018
  3. Qual a massa máxima que as estrelas de nêutrons podem alcançar? — 15/01/2018
  4. CfA: Ondas Gravitacionais fornecem medidas da idade do Universo — 05/01/2018
  5. ESO revela bolhas gigantes na superfície de estrela gigante vermelha π1 Gruis — 20/12/2017

Posts mais comentados

  1. Não haverá nenhum cometa assassino, Nibiru ou Planeta-X — 128 comentários
  2. Não haverá inversão dos polos magnéticos da Terra — 123 comentários
  3. Não Haverá o ‘Fim do Mundo’ — 109 comentários
  4. Não haverá tempestade solar assassina — 87 comentários
  5. O Planeta X não é Nibiru — 85 comentários

Listas de posts do autor

jan 19

GW170817/GRB170817A: Fusão de Estrelas de Nêutrons fornece um novo enigma astronômico

A radiação resultante de uma distante fusão de estrelas de nêutrons, detectada em agosto de 2017 (evento GW170817), continuou a aumentar, para a surpresa dos astrofísicos que estudam as consequências da gigantesca colisão que ocorreu a aproximadamente 138 milhões de anos-luz de distância e atirou ondas gravitacionais através do Universo. Novas observações a partir do …

Continue lendo »

jan 17

ESO MUSE: Comportamento estranho de estrela revela buraco negro solitário no aglomerado estelar gigante NGC 3201

https://cdn.eso.org/images/large/eso1802a.jpg

Com o auxílio do instrumento MUSE do ESO, montado no Very Large Telescope no Chile, astrônomos descobriram uma estrela no aglomerado NGC 3201 comportando-se de forma muito estranha. A estrela parece orbitar um buraco negro invisível com cerca de quatro vezes a massa do Sol — o primeiro buraco negro inativo de massa estelar a …

Continue lendo »

jan 15

Qual a massa máxima que as estrelas de nêutrons podem alcançar?

Desde sua descoberta nos anos de 1960, que os cientistas procuram responder a uma questão importante: qual massa máxima que as estrelas de nêutrons podem atingir? Contrastando com os buracos negros, estas estrelas não podem ganhar massa arbitrariamente, uma vez que após um certo limite, não há força física na natureza que possa contrariar a …

Continue lendo »

jan 05

CfA: Ondas Gravitacionais fornecem medidas da idade do Universo

A detecção direta de ondas gravitacionais em pelo menos cinco fontes nos últimos dois anos fornece uma confirmação notável do modelo de gravidade e espaço-tempo concebido por Einstein. A modelagem destes eventos também forneceu dados sobre a formação de estrelas massivas, explosões de raios-gama, características das estrelas de nêutrons e pela primeira vez a verificação …

Continue lendo »

dez 20

ESO revela bolhas gigantes na superfície de estrela gigante vermelha π1 Gruis

Com o auxílio do Very Large Telescope do ESO, astrônomos observaram diretamente pela primeira vez padrões de granulação na superfície de uma estrela moribunda — a gigante vermelha π1 Gruis. Esta nova imagem obtida com o instrumento PIONIER revela as células convectivas que constituem a superfície desta enorme estrela, com um diâmetro 350 vezes maior …

Continue lendo »

dez 13

Sharpless 29: a maternidade estelar que salta à vista

A câmera OmegaCAM montada no Telescópio de Rastreamento do VLT do ESO capturou esta imagem resplandecente da maternidade estelar Sharpless 29. Podemos ver muitos fenômenos astronômicos na imagem, incluindo poeira cósmica e nuvens de gás que refletem, absorvem e reemitem a luz de estrelas quentes jovens situadas na nebulosa.

Continue lendo »

dez 05

Duas Super Terras orbitam a estrela anã vermelha K2-18

  Uma nova pesquisa, usando dados recolhidos pelo dispositivo HARPS do ESO, revelou que um exoplaneta pouco conhecido denominado K2-18b poderá muito bem ser uma versão ampliada da Terra. De forma igualmente emocionante, os mesmos pesquisadores descobriram que o tal exoplaneta provavelmente tem uma super-terra vizinha.

Continue lendo »

nov 30

ESO: O instrumento MUSE completa o mais profundo rastreamento espectroscópico executado até hoje

Dez artigos científicos exploram as profundezas por mapear do Campo Ultra Profundo Com o auxílio do instrumento MUSE montado no Very Large Telescope do ESO no Chile, astrônomos efetuaram o rastreamento espectroscópico mais profundo realizado até à hoje. Os pesquisadores focaram-se no Campo Ultra Profundo do Hubble, medindo distâncias e propriedades de 1600 galáxias muito …

Continue lendo »

nov 27

Como medir o tamanho das estrelas de nêutrons?

https://3c1703fe8d.site.internapcdn.net/newman/csz/news/800/2017/3-newmethodtom.jpg

  As estrelas de nêutrons são feitas de matéria ultra densa. O modo como esta matéria se comporta é um dos maiores mistérios da física nuclear moderna. Investigadores desenvolveram um novo método para medir o raio das estrelas de nêutrons, o que os ajuda a entender o que acontece com a matéria dentro da estrela …

Continue lendo »

nov 20

‘Oumuamua: Observações do ESO mostram que asteroide interestelar é diferente de todos os observados até hoje

VLT revela objeto escuro, vermelho e extremamente alongado Astrônomos estudaram pela primeira vez um asteroide que entrou no Sistema Solar vindo do espaço interestelar. Observações feitas com o Very Large Telescope do ESO no Chile e em outros observatórios do mundo mostram que este objeto único viajava no espaço há milhões de anos antes do …

Continue lendo »

Posts mais antigos «

error: Esse blog é protegido!