Arquivo por mês: novembro de 2010

nov 18

A supernovas subluminais e a colisão de anãs brancas consistem no mesmo evento?

Uma equipe de astrônomos liderada pelo Centro Harvard-Smithsonian de Astrofísica (EUA), em colaboração com o Instituto de Astrofísica das Canárias (IAC), descobriu certos sistemas de estrelas duplas, compostos de duas estrelas anãs brancas, em processo de colisão. Estes pares de anãs brancas, quando se fundirem, poderão explodir como supernovas em breve, em termos astronômicos.

Continue lendo »

nov 16

NGC 4452: uma galáxia finíssima capturada pelo Hubble

Como pode um segmento de linha reta surgir nos céus? Na imagem acima vislumbramos um dos mais precisos alinhamentos aparentes de larga escala já observados no Universo. Na verdade, a foto nos mostra um verdadeiro disco galáctico cuja projeção em relação à Terra faz com que o vejamos exatamente de lado. Aqui o observatório espacial …

Continue lendo »

nov 15

NGC 5128: O que há no centro da galáxia energética Centaurus A?

A região central da rádio galáxia ativa Centaurus A hospeda um fantástico conjunto de aglomerados estelares azulados recém formados, gigantescas nuvens de gás brilhante e imponentes raias enegrecidas de poeira cósmica. Este mosaico composto de imagens capturadas pelo Hubble Space Telescope tomadas em azul, verde e vermelho foi processado para apresentar tonalidades as mais naturais …

Continue lendo »

nov 14

Fermi detecta duas bolhas gigantescas de raios gama na Via Láctea

O telescópio FERMI da NASA, um observatório espacial especializado na observação de raios gama, descobriu duas bolhas enormes, com tamanho estimado em cerca de 25.000 anos-luz cada, situadas acima e abaixo do bojo central da Via Láctea. Essa é uma estrutura até então desconhecida de nossa galáxia, que poderia consistir no remanescente de uma erupção …

Continue lendo »

nov 12

Éris devolve para Plutão o status de maior planeta anão

Este fim-de-semana passado teve lugar um evento que pode perturbar a família de TNOs (objetos-trans-netunianos). Se os resultados preliminares forem confirmados desta vez será o planeta-anão Éris que sofrerá as consequências: Plutão vai recuperar o seu status de maior objeto do Cinturão de Kuiper.

Continue lendo »

nov 11

Arp 226: a colisão galáctica “Átomos Pela Paz” revelada pelo ESO

  Astrônomos do ESO (Observatório Europeu do Sul) capturaram uma imagem inédita da famosa galáxia “Átomos pela Paz” (NGC 7252). Este objeto é na verdade uma colisão de duas galáxias, que fornece aos cientistas uma excelente oportunidade de estudar quais os efeitos das fusões de galáxias na evolução do Universo.

Continue lendo »

nov 09

Qual a massa estelar para que se forme uma estrela de nêutrons?

  Infelizmente, na Internet, encontramos algumas discrepâncias em páginas que tratam sobre a evolução estelar quando se referem aos limites mínimos e máximos para que uma estrela massiva forme uma estrela de nêutrons. Recentemente, em um fórum onde se discutia a formação de estrelas de nêutrons (pulsares) surgiram algumas dúvidas sobre quais os limites técnicos …

Continue lendo »

nov 08

A Astrobiologia e o Cinturão de Kuiper

Vamos olhar hoje algumas novidades trazidas pela equipe da New Horizons. É importante lembrar que esta nave espacial, após completar sua passagem pelo sistema Plutão/Caronte em 2015, estará se movendo cada vez mais além, para explorar as profundezas do Cinturão de Kuiper. Assim, a equipe de planejamento desta missão tem a esperança que vai haver …

Continue lendo »

nov 06

A Terra vista do Espaço pela Estação Espacial

Constelações de luzes se espalham através desta cintilante cena noturna. No entanto, esta paisagem vista do espaço não pertence propriamente aos céus do planeta Terra! Trata-se de uma visão a partir da Estação Espacial Internacional (ISS – International Space Station) quando esta passou sobre os EUA ao longo da costa nordeste do Golfo do México …

Continue lendo »

nov 05

IPHASXJ194359.5+170901: A Nebulosa do Colar revelada por Romano Corradi e equipe

  A diminuta constelação da Flecha (Sagitta) hospeda esta enorme peça de joalheria espacial, a “Nebulosa do Colar” (em inglês: Necklace Nebula). Trata-se de uma nebulosa planetária em  formato de anel recém descoberta que reside a cerca de 15.000 anos-luz da Terra.

Continue lendo »

Posts mais antigos «

» Posts mais novos

error: Esse blog é protegido!