Arquivo por tag: Very Long Baseline Array

nov 05

B3 1715+425: colisão de galáxias deixa para trás um buraco negro supermassivo “quase nu”

Os astrônomos usaram a visão de rádio super precisa do VLBA (Very Long Baseline Array) pertencente ao NSF (National Science Foundation) e descobriram os restos de uma galáxia que passou através de outra galáxia maior, emergindo dessa fusão apenas um buraco negro supermassivo “despido” com uma velocidade de mais de 3.600 km/s. O par das …

Continue lendo »

jun 10

ALMA: Um buraco negro alimentado por dilúvio intergaláctico frio

Com o auxílio do Atacama Large Millimeter/submillimeter Array (ALMA), uma equipe internacional de astrônomos foi testemunha de um evento meteorológico cósmico nunca antes observado — um aglomerado de enormes nuvens de gás intergaláctico “chovendo” sobre um buraco negro supermassivo situado no centro de uma enorme galáxia a um bilhão de anos-luz de distância da Terra. …

Continue lendo »

out 23

Os Blazares e os jatos relativísticos

Jatos polares são freqüentemente encontrados em torno de objetos cósmicos com discos de acresção em rotação. Nós observamos a presença dos jatos tanto em estrelas recém nascidas como nos mortos pulsares (estrelas de nêutrons). Contudo, os jatos polares mais poderosos são os originados pelos discos de acresção ao redor dos buracos negros, sejam eles os …

Continue lendo »

out 21

VLBA: medições precisas do desvio das ondas de rádio dos quasares ao passar perto do Sol confirmam a teoria da gravidade de Einstein

Sabemos que a luz se curva ao passar próxima de um objeto massivo, mas, como medir isso com precisão? A Teoria da Relatividade Geral descreve a força da gravidade em termos da geometria do espaço-tempo. Longe de uma fonte de gravidade, como uma estrela tal como o nosso Sol, o espaço é “plano” e os …

Continue lendo »

jul 04

A galáxia M87 dá um show cósmico que foi assistido por 390 astrônomos

Quando a rádio galáxia gigante Messier 87 (M87) lançou uma torrente de radiação gama e ondas de rádio, havia um time internacional de colaboração com 390 cientistas  assistindo o espetáculo. As descobertas associadas ao evento foram relatadas na Science Express. Os resultados fornecem evidências experimentais que as partículas (raios cósmicos) foram aceleradas a velocidades relativísticas, …

Continue lendo »