Arquivo por tag: Mark Garlick

jan 22

O buraco negro supermassivo central da Via Láctea está cuspindo bolas de tamanho planetário

A cada poucos milhares de anos, alguma estrela azarada perambula demasiadamente perto do buraco negro no centro da nossa galáxia Via Láctea (Sagittarius A*). A poderosa gravidade desse buraco negro supermassivo rasga a estrela, chicoteando uma longa corrente de gás para fora. Isto poderia até ser o fim da história, mas não é. Uma nova …

Continue lendo »

nov 24

Kepler 11145123: uma estrela muito redonda

Todos sabemos que as estrelas não são esferas perfeitas. Enquanto esses objetos giram, tornam-se mais achatados devido à força centrífuga. Um time de pesquisadores liderado por Laurent Gizon do Instituto Max Planck para Pesquisa do Sistema Solar e da Universidade de Gotinga conseguiu agora medir, com uma precisão sem precedentes, o achatamento de uma estrela …

Continue lendo »

mar 20

Cientistas do HESS descobrem no centro da Via Láctea uma fonte de raios cósmicos que acelera partículas a energias sem precedentes

Por mais de dez anos o observatório H.E.S.S. na Namíbia (operado por uma colaboração internacional de 42 instituições em 12 países), tem mapeado o centro da nossa Galáxia no espectro de raios-gama altamente energéticos. Estes raios-gama são produzidos por raios cósmicos oriundos da região mais interna da Galáxia. Uma análise detalhada dos dados mais recentes …

Continue lendo »

nov 17

Arte cósmica: O amanhecer no planeta alienígena antes da Nova cataclísmica

O que é uma Nova? Como as Novas afetam os planetas que a orbitam? Trará este amanhecer em um planeta alienígena uma explosão estelar provocada por uma ‘nova’? Estes dilemas poderão um dia fazer parte dos pensamentos de futuros humanos ou de alienígenas inteligentes vivendo em um exoplaneta que orbita uma cataclísmica estrela variável em …

Continue lendo »

ago 07

Como Titã conseguiu sua atmosfera rica em Metano?

http://apod.nasa.gov/apod/ap060802.html

A presença do metano da atmosfera de Titã, lua de Saturno, tem intrigado a os astrônomos durante décadas. Agora julgam que foi descoberta sua origem. O metano não resiste muito tempo sob a luz do Sol. Os raios solares o destroem rapidamente, formando outras moléculas orgânicas. Assim, o descobrimento de metano em qualquer ponto do …

Continue lendo »

jul 28

Foram os cometas os verdadeiros culpados pelo grande bombardeamento na Terra e Lua?

Foram os cometas gelados e não os asteróides rochosos os objetos responsáveis pelo tremendo bombardeio que a Terra e a Lua sofreram há cerca de 3,85 bilhões de anos, sugere novo estudo sobre rochas antigas da Groelândia. O trabalho sugere que grande parte da água existente na Terra foi, de fato, trazida aqui por cometas. …

Continue lendo »