Arquivo por tag: APOD

jan 14

A notável galáxia perfilada NGC 891 por Adam Block

A galáxia espiral de grande porte NGC 891 tem um diâmetro de cerca de 100.000 anos luz e é vista aqui da perspectiva terrestre quase que exatamente de perfil. De fato, residindo a cerca de 30 milhões de anos luz da Terra, na direção da constelação de Andrômeda, a galáxia NGC 891 parece em muito com a nossa …

Continue lendo »

jan 10

No centro da Galáxia Espiral NGC 5033

O que está acontecendo no centro da galáxia espiral NGC 5033? Muitos fenômenos estão em ação por lá, alguns cíclicos, outros energéticos e uns ainda não totalmente compreendidos. NGC 5033 é classificada como uma galáxia Seyfert por causa da sua grande atividade que tem sido medida no seu núcleo. Estrelas brilhantes, poeira escura e gás interestelar giram rapidamente em volta …

Continue lendo »

jan 08

Sharpless 249 e a elusiva Nebulosa da Medusa por Eric Coles

Normalmente tênue e furtiva, a Nebulosa da Medusa (Jellyfish Nebula) foi capturada neste sedutor mosaico telescópico. Essa eclética cena está ancorada abaixo pela brilhante estrela Propus (Eta Geminorum), no pé da constelação dos Gêmeos celestiais [Castor (Alpha Geminorum) e Pollux (Beta Geminorum)] enquanto que a Nebulosa da Medusa (IC 443) é o luminoso arco de emissão com seus tentáculos …

Continue lendo »

jan 06

Arp 273: uma dupla peculiar de galáxias por Wolfgang Ries e Stefan Heutz

Enquanto as pontiagudas estrelas no primeiro plano nesse preciso retrato cósmico estejam imersas em nossa Galáxia Via Láctea, as duas galáxias, que se destacam e capturam nossa atenção no centro da imagem, situam-se muito, muito longe, bem além da Via Láctea, a uma distância acima de 300 milhões de anos luz. A aparência bastante distorcida do par central de …

Continue lendo »

jan 05

Nuvens de cirros interestelares poeirentos ‘cercam’ Andrômeda por Rogelio Bernal Andreo

Em geral a belíssima Galáxia M31 (Andrômeda) é retratada pelos astrônomos baseados no solo terrestre com grande frequência. Afinal, trata-se de uma enorme galáxia espiral vizinha e uma vista familiar com suas raias de poeira escura, seu núcleo brilhante amarelado (fruto de estrelas antigas) e seus braços espirais traçados pela azulada luz estelar, resultante de estrelas …

Continue lendo »

jan 01

M20: a nebulosa Trífida em infravermelho examinada pelo SPITZER

A Nebulosa Trífida (NGC 6514), catalogada como Messier 20, é relativamente fácil de ser encontrada com telescópios de menor porte. Trífida é uma nebulosa rica que reside na direção da constelação de Sagittarius. As imagens no espectro visível mostram a nebulosa dividida em três partes por trilhas de poeira escuras. Na verdade, o nome Trífida significa “dividida em três lóbulos”. Esta …

Continue lendo »

dez 29

Curiosity investiga o Monte Sharp em Marte

Se você estivesse de pé em Marte, o que você poderia ver? Se você estivesse ao lado do Curiosity rover, então em novembro de 2016 você teria contemplado a imagem em destaque, um panorama interessante na porção inferior do Monte Sharp (Aeolis Mons). As cores da fotografia foram ajustadas para imitar os efeitos de luz familiares a nós terrestres.

Continue lendo »

dez 26

NGC 6357: a Maravilhosa Fábrica Estelar por L, Townsley et al (UKIRT), Chandra e Spitzer

Por razões ainda desconhecidas, a região NGC 6357 está formando as mais massivas estrelas até então descobertas. Essa região complexa de maravilhas da formação estelar consiste em numerosos filamentos de gás e poeira cósmica envolvendo gigantescas cavidades onde residem massivos aglomerados estelares. Os padrões intricados são causados por interações complexas entre os ventos interstelares, pressões de …

Continue lendo »

dez 23

Rastros do Sol de solstício a solstício 2015-2016 por György Bajmóczy

Em 2016 o solstício ocorreu em 21 de dezembro: o primeiro dia do verão no hemisfério Sul e o início do inverno no Norte. Para comemorar esse evento veja essa fantástica sequência em vídeo dos rastros do movimento aparente do Sol ao longo do ano inteiro capturada na Hungria. Durante o ano de 2016 uma câmera fixa …

Continue lendo »

dez 20

Anis Abdul e Kfir Simon revelam a bolha cósmica Sharpless 2-308, uma nebulosa criada por uma violenta estrela de Wolf-Rayet

Esta grande bolha cósmica é uma nebulosa criada pelos vigorosos ventos de sua massiva estrela central. Catalogada como Sharpless 2-308, esta nebulosa quase transparente reside a certa de 5.200 anos luz na direção da constelação do Cão Maior (Canis Major). Esta nebulosa cobre nos céus um tamanho ligeiramente maior que o de uma Lua Cheia. Tal corresponde ao …

Continue lendo »

Posts mais antigos «