Arquivo por categoria: Sistema Solar

jan 12

A Lua pode ser mais antiga do que pensávamos?

Um time liderado por membros da UCLA (Universidade da Califórnia, em Los Angeles), EUA, reportou que a Lua tem pelo menos 4,51 bilhões de anos e é 40 a 140 milhões de anos mais antiga do que os cientistas pensavam anteriormente. Os achados, baseados na análise da amostras do mineral zircônio da Lua que foram trazidos para …

Continue lendo »

jan 02

A missão NEOWISE revela dois objetos novos: um cometa e um corpo que está na linha divisória que separa um asteroide de um cometa

A missão NEOWISE da NASA descobriu recentemente alguns objetos celestes que viajam pela nossa vizinhança, incluindo um que está na fronteira entre o que classificamos como asteroide ou como cometa. O outro objeto, definitivamente um cometa, pode ser visto com binóculos nesta semana.

Continue lendo »

dez 31

OSIRIS-REx vai procurar por asteroides troianos, os companheiros invisíveis da Terra

A primeira missão da NASA que irá trazer de volta à Terra uma amostra de um asteroide vai realizar múltiplas tarefas durante a sua viagem até ao asteroide Bennu. Entre os dias 9 e 20 de fevereiro de 2017, a nave OSIRIS-REx (Origins, Spectral Interpretation, Resource Identification, and Security – Regolith Explorer) irá ativar a …

Continue lendo »

nov 30

Cientistas sugerem que a formação do nosso Sistema Solar foi causada por uma supernova de baixa massa

Um time de pesquisa liderado pelo professor Yong-Zhong Qian da Escola de Física e Astronomia da Universidade de Minnesota (EUA) usou novos modelos e evidências a partir de meteoritos para demonstrar que uma supernova de baixa massa foi responsável pelo desencadeamento da formação do nosso Sistema Solar. Há cerca de 4,6 bilhões de anos, uma …

Continue lendo »

nov 26

“Funil” descoberto em Marte pode ser um lugar a se buscar vida

Uma depressão de forma incomum em Marte poderia ser um novo local para procurar sinais de vida, conforme estudo liderado por cientistas da Universidade do Texas, em Austin. A depressão foi provavelmente formada por um vulcão embaixo de um glaciar e poderá ter sido um ambiente quente e rico em produtos químicos, possivelmente adequado para …

Continue lendo »

ago 12

Simulações computacionais de modelos climáticos sugerem que Vênus talvez tenha sido habitável nos primeiros 2 bilhões de anos de sua história

Vênus pode ter tido um oceano pouco profundo de água líquida e temperaturas habitáveis na sua superfície durante os primeiros 2 bilhões de anos da sua história inicial, conforme modelos computacionais simulando o clima primordial de Vênus, elaborado por cientistas do GISS (Goddard Institute for Space Studies) da NASA em Nova Iorque, EUA.

Continue lendo »

ago 09

MESSENGER: a atividade vulcânica de Mercúrio cessou há 3,5 bilhões de anos!

Um novo estudo liderado pela Universidade Estatal da Carolina do Norte, EUA, com colaboração de várias outras instituições [1], descobriu que a maior parte da atividade vulcânica no planeta Mercúrio muito provavelmente cessou há 3,5 bilhões de anos. Estes achados fornecem em particular mais informações sobre a evolução geológica de Mercúrio, além de esclarecerem sobre o …

Continue lendo »

ago 07

O que há no interior de Ceres? Dados da sua gravidade pela sonda DAWN trazem novas informações

Infelizmente, nas dezenas de milhares de fotos transmitidas pela sonda DAWN da NASA, o interior de Ceres é invisível. Entretanto, os cientistas têm informações poderosas para entender a estrutura interna de ceres: o próprio movimento da DAWN na órbita de Ceres. Tendo em vista que a gravidade domina a órbita da DAWN em Ceres, os …

Continue lendo »

jul 22

2015 RR245: descoberto um planeta anão além de Netuno

Um time internacional de astrônomos descobriu um novo planeta anão de passagem pelo disco de pequenos mundos gelados além da órbita de Netuno, o Cinturão de Kuiper. O novo objeto mede aproximadamente 700 km em diâmetro e tem uma das órbitas mais alongadas para um planeta anão. Designado como 2015 RR245 pelo Centro de Planetas …

Continue lendo »

jul 05

As áreas mais brilhantes em Ceres, na cratera Occator, podem ser explicadas por atividades hidrotermais?

A área mais brilhante de Ceres, localizada na misteriosa Cratera Occator, tem a mais alta concentração de minerais de carbonato já encontrada fora da Terra, de acordo com um novo estudo por cientistas da missão DAWN da NASA. O estudo, publicado na Nature, é um de dois novos artigos científicos sobre a composição de Ceres.

Continue lendo »

Posts mais antigos «