Arquivo por categoria: Estrelas

fev 22

Mapeando a árvore genealógica das estrelas

Os astrônomos pegaram emprestados alguns princípios aplicados na biologia e na arqueologia para construir uma ‘árvore genealógica’ das estrelas na Galáxia. Estudando as assinaturas químicas encontradas nas estrelas, os cientistas reuniram essas árvores evolutivas observando como as estrelas se formaram e como estão ligadas entre si. As assinaturas atuam como um análogo das sequências de …

Continue lendo »

fev 21

NGC 5907 X-1: XMM-Newton da ESA estuda o pulsar mais luminoso e distante conhecido

O XMM-Newton da ESA revelou dados de um pulsar mil vezes mais luminoso do que se pensava ser possível. O pulsar NGC 5907 X-1 é também o mais distante do seu tipo já detectado, pois sua radiação viajou 50 milhões de anos-luz até ser detectada pelo XMM-Newton. Os pulsares são estrelas de nêutrons magnetizadas que giram …

Continue lendo »

fev 18

A Tulipa e o microquasar Cygnus X-1 por Ivan Eder

Capturando uma brilhante região de emissão, essa visão telescópica retrata uma área ao longo do plano da nossa galáxia Via Láctea na direção da constelação rica em nebulosas conhecida por Cygnus, o Cisne. Popularmente conhecida como a nebulosa da Tulipa, essa luminosa nuvem de gás interestelar e poeira cósmica consta do catálogo de 1959 produzido pelo astrônomo Stewart Sharpless com a …

Continue lendo »

fev 17

ESO: ALMA revela a estrutura do Sistema Protoestelar de baixa massa L1527

Um time de astrônomos usou a rede de radiotelescópios ALMA (Atacama Large Millimeter/submillimeter Array) do ESO para observar o sistema perfilado da protoestrela de baixa massa L1527 (IRAS 04368+2557). Esta protoestrela encontra-se em uma região de formação estelar na nuvem molecular de Touro, a cerca de 450 anos-luz de distância. L1527 tem um disco protoplanetário giratório …

Continue lendo »

fev 16

Estrelas faltantes na vizinhança do sistema solar revelam a velocidade e a distância do Sol ao centro da Via Láctea

Através de um novo procedimento que usou os dados do telescópio espacial GAIA, os astrônomos da Universidade de Toronto estimaram que a velocidade do Sol em sua órbita em torno do centro da Via Láctea é de aproximadamente 240 km/s. Em seguida, os astrônomos usaram esse resultado para calcular que o Sol está a aproximadamente …

Continue lendo »

fev 12

A Nebulosa da Borboleta capturada pelo Hubble e processada por Jesús M.Vargas e Maritxu Poyal

Os brilhantes aglomerados e nebulosas nos céus da Terra são usualmente chamados por flores ou insetos. As asas dessa borboleta cósmica se espalham por 3 anos luz. Essa nebulosa foi catalogada como NGC 6302. A estrela moribunda central dessa nebulosa tem uma temperatura estimada de 250.000 graus Celsius. A estrela à morte progenitora dessa nebulosa planetária específica se tornou excepcionalmente …

Continue lendo »

fev 11

Exoplanetas hospedados por a Anãs Vermelhas podem sofrer perdas de Oxigênio dentro de zonas potencialmente habitáveis

Cientistas dão uma nova visão sobre habitabilidade em volta das estrelas anãs vermelhas A busca por vida fora do planeta Terra começa dentro das zonas habitáveis, as regiões em torno das estrelas onde as condições podem, potencialmente, permitir a existência de água líquida (essencial para a vida como a conhecemos) existindo na superfície de um …

Continue lendo »

fev 09

GAIA revela que as Nuvens de Magalhães são galáxias ligadas por uma ponte de estrelas e gás

As Nuvens de Magalhães, as duas maiores galáxias-satélite da Via Láctea, parecem estar ligadas por uma ponte que se estende por 43.000 anos-luz, conforme nova pesquisa de um time internacional de astrônomos, liderada por investigadores da Universidade de Cambridge. A descoberta foi divulgada na revista MNRAS (Monthly Notices of the Royal Astronomical Society) e se …

Continue lendo »

fev 07

AR Sco: Astrônomos descobrem uma anã branca que se comporta como um pulsar

Cientistas da Universidade de Warwick divulgaram dados de um exótico sistema binário residindo a 380 anos-luz de distância. O objeto foi identificado como um elusivo pulsar de anã branca, possivelmente o primeiro do seu gênero já descoberto no Universo. Os professores Tom Marsh e Boris Gänsicke do Grupo de Astrofísica da Universidade de Warwick, juntamente …

Continue lendo »

fev 03

SS Cyg: explosões rápidas de gás são reveladas em anãs brancas pela primeira vez

Explosões incrivelmente rápidas de gás a partir de um sistema estelar com uma anã branca foram detectados pela primeira vez por cientistas da Universidade de Oxford. Como a primeira vez que o fenômeno é observado, os cientistas sugerem que o entendimento de tais sistemas, dos hábitos estelares e suas capacidades ainda permanecem incompletos.

Continue lendo »

Posts mais antigos «

» Posts mais novos