Arquivo por categoria: Buracos Negros

mar 23

SWIFT mapeia uma estrela em uma espiral da morte na direção de um buraco negro supermassivo

Há cerca de 290 milhões de anos, uma estrela parecida com o Sol perambulou demasiadamente perto do buraco negro central de sua galáxia hospedeira. As marés gravitacionais intensas rasgaram a estrela e isso produziu um surto de radiação tanto no visível, quanto no ultravioleta e nos raios-X que foi detectado aqui na Terra em 2014. …

Continue lendo »

mar 16

Radiação energética de galáxias vizinhas pode ter ajudado a formar os primeiros buracos negros supermassivos no Universo Primordial

O aparecimento de buracos negros supermassivos nos primórdios do Universo tem deixado os astrônomos cheios de perguntas desde a sua descoberta há mais de uma década. Os cientistas julgavam que um buraco negro supermassivo se forma ao longo de bilhões de anos, mas foram revelados mais de duas dúzias destes buracos negros gigantes cerca 800 …

Continue lendo »

mar 14

M42/M43: no Coração de Órion por Christoph Kaltseisd

Próximo ao centro desse preciso e magnífico retrato cósmico, no âmago da Nebulosa de Órion, residem quatro estrelas bem massivas muito quentes (entre 15 a 30 massas solares), as quais fazem parte do aglomerado aberto do Trapézio (Trapezium), descoberto por Galileo Galilei.

Continue lendo »

mar 10

Hubble revela a data da última ‘grande refeição’ do buraco negro supermassivo central da Via Láctea

O buraco negro supermassivo no centro da nossa Galáxia Via Láctea há muito que não tem tido “boas refeições”. O Telescópio Espacial Hubble da NASA revelou que o buraco negro teve a sua última grande refeição há cerca de 6 milhões de anos, quando consumiu um grande aglomerado gasoso. Após o “prato principal”, o buraco …

Continue lendo »

mar 09

Astrônomos revisitam teorias sobre as origens da matéria escura e descartam a hipótese sobre buracos negros primordiais

Um novo estudo sugere que as ondas gravitacionais detectadas pelo experimento LIGO foram provenientes de buracos negros formados durante o colapso de estrelas e não das primeiras eras do Cosmos, no Universo Primordial. A natureza da matéria escura, que os cientistas estimam que compõe cerca 80% da massa das partículas no Universo Observável, permanece como …

Continue lendo »

mar 01

Mudanças rápidas na temperatura no disco de acreção revelam a origem dos ventos ultrarrápidos dos buracos negro supermassivos

Telescópios espaciais de altas energias da ESA e da NASA (XMM-Newton e NuStar) fizeram as observações mais detalhadas dos ventos ultrarrápidos que fluem a partir das redondezas de um buraco negro supermassivo em velocidades relativísticas (cerca de 24% da velocidade da luz).

Continue lendo »

fev 24

A portentosa galáxia espiral NGC 3621 capturada pelo ESO e Hubble, processada por Robert Gendler e Roberto Colombari

Muito além do grupo local de galáxias reside a espiral NGC 3621, uma galáxia ‘grand design‘, situada a cerca de 22 milhões de anos luz de distância de nós. Encontramos a NGC 3621 na constelação meridional de Hydra, a maior de todas as constelações nos céus. Os magníficos braços espirais desse portentoso universo-ilha estão carregados de aglomerados de estrelas luminosas azuis, …

Continue lendo »

fev 16

Estrelas faltantes na vizinhança do sistema solar revelam a velocidade e a distância do Sol ao centro da Via Láctea

Através de um novo procedimento que usou os dados do telescópio espacial GAIA, os astrônomos da Universidade de Toronto estimaram que a velocidade do Sol em sua órbita em torno do centro da Via Láctea é de aproximadamente 240 km/s. Em seguida, os astrônomos usaram esse resultado para calcular que o Sol está a aproximadamente …

Continue lendo »

fev 13

47 Tucanae: um buraco negro de massa intermediária se esconde dentro de um aglomerado globular gigante?

Praticamente todos os buracos negros conhecidos pertencem a duas principais categorias: pequenos buracos negros com uma massa correspondente a vários sóis e buracos negros supermassivos com milhões ou bilhões de vezes a massa do Sol. Os astrônomos também julgam que existam buracos negros de massa intermediária, que teriam entre 100 e 10.000 vezes a massa …

Continue lendo »

fev 01

O observatório de raios gama FERMI revela os blazares mais extremos até então já observados

O Telescópio Espacial de Raios-gama FERMI da NASA identificou os blazares de raios-gama mais longínquos. Um blazar é um tipo de galáxia ativa cujas emissões intensas são alimentadas por buracos negros supermassivos. Para ser um blazar, o feixe de radiação da galáxia ativa deve estar apontado em nossa direção. A luz destes objetos distantes começou …

Continue lendo »

Posts mais antigos «