ROCA

Detalhes do autor

Nome: Ricardo De Castro
Data de registro: 22/04/2009
URL: http://eternosaprendizes.com

Últimos Posts

  1. SWIFT mapeia uma estrela em uma espiral da morte na direção de um buraco negro supermassivo — 23/03/2017
  2. Hubble: Estrelas em fuga revelam o embate gravitacional ocorrido em um sistema que se desmantelou séculos atrás na Nebulosa Kleinmann-Low dentro do Complexo de Órion — 22/03/2017
  3. Marte tem anéis? Hoje não, mas poderá ter em breve… E mais, talvez tenha tido anéis no passado. — 21/03/2017
  4. DAWN revela atividades de criovulcanismo no planeta anão Ceres — 20/03/2017
  5. ALMA: protoestrela resplandece e remodela o seu berçário estelar em NGC 6334I-MM1 — 19/03/2017

Posts mais comentados

  1. Não haverá nenhum cometa assassino, Nibiru ou Planeta-X — 128 comentários
  2. Não haverá inversão dos polos magnéticos da Terra — 123 comentários
  3. Não Haverá o ‘Fim do Mundo’ — 109 comentários
  4. Não haverá tempestade solar assassina — 87 comentários
  5. O Planeta X não é Nibiru — 85 comentários

Listas de posts do autor

mar 23

SWIFT mapeia uma estrela em uma espiral da morte na direção de um buraco negro supermassivo

Há cerca de 290 milhões de anos, uma estrela parecida com o Sol perambulou demasiadamente perto do buraco negro central de sua galáxia hospedeira. As marés gravitacionais intensas rasgaram a estrela e isso produziu um surto de radiação tanto no visível, quanto no ultravioleta e nos raios-X que foi detectado aqui na Terra em 2014. …

Continue lendo »

mar 22

Hubble: Estrelas em fuga revelam o embate gravitacional ocorrido em um sistema que se desmantelou séculos atrás na Nebulosa Kleinmann-Low dentro do Complexo de Órion

Enquanto as famílias reais inglesas lutavam a Guerra das Rosas no século XV para controlar o trono da Inglaterra, um grupo de estrelas travava uma luta contenciosa: uma autêntica guerra estelar  em Órion. Estrelas lutavam entre si em um conflito gravitacional, que terminou com o sistema se desmantelando, com pelo menos três estrelas ejetadas em …

Continue lendo »

mar 21

Marte tem anéis? Hoje não, mas poderá ter em breve… E mais, talvez tenha tido anéis no passado.

Quando crianças, nós aprendemos sobre os planetas do nosso Sistema Solar através de algumas características marcantes. Por exemplo: Júpiter é o maior, Saturno tem anéis, Mercúrio é o mais próximo do Sol. Marte é vermelho, mas é possível que um dos nossos vizinhos mais próximos também tenha tido anéis no seu passado e que possa …

Continue lendo »

mar 20

DAWN revela atividades de criovulcanismo no planeta anão Ceres

Imagens altamente resolvidas da Cratera Occator mostram evidências de atividade geológica de longa duração. Entre as características mais impressionantes na superfície de Ceres estão as manchas brilhantes no centro da Cratera Occator, as quais já se destacavam quando a sonda DAWN da NASA ainda estava se aproximando do planeta anão. Cientistas, sob a liderança do …

Continue lendo »

mar 19

ALMA: protoestrela resplandece e remodela o seu berçário estelar em NGC 6334I-MM1

Uma protoestrela gigante, profundamente aninhada no seu berçário estelar poeirento, recentemente “rugiu ferozmente”, brilhando quase 100 vezes mais do que antes. Esta explosão, aparentemente desencadeada por uma avalanche de gás formador de estrelas que se chocou contra a superfície da estrela, apoia a teoria de que as estrelas jovens podem sofrer surtos de crescimento intenso …

Continue lendo »

mar 18

Vento meridional de Vênus foi detectado pela primeira vez em ambos os hemisférios

A primeira evidência científica de que existe em Vênus circulação de vento entre o equador e os polos (vento meridional) foi reunida por uma equipe internacional liderada por Pedro Machado, do Instituto de Astrofísica e Ciências do Espaço (IA) [1] e da Faculdade de Ciências da Universidade de Lisboa (FCUL). Este resultado foi publicado em artigo [2] …

Continue lendo »

mar 17

A matéria escura era menos influente no Universo primordial?

Observações do VLT sugerem que as galáxias distantes são dominadas pela matéria ordinária Novas observações indicam que galáxias massivas que estavam formando estrelas durante o pico da formação galáctica, há 10 bilhões de anos atrás, eram dominadas por matéria “bariônica”, ou seja, matéria normal. Este fato está em perfeito contraste com as galáxias atuais, onde …

Continue lendo »

mar 16

Radiação energética de galáxias vizinhas pode ter ajudado a formar os primeiros buracos negros supermassivos no Universo Primordial

O aparecimento de buracos negros supermassivos nos primórdios do Universo tem deixado os astrônomos cheios de perguntas desde a sua descoberta há mais de uma década. Os cientistas julgavam que um buraco negro supermassivo se forma ao longo de bilhões de anos, mas foram revelados mais de duas dúzias destes buracos negros gigantes cerca 800 …

Continue lendo »

mar 15

P/2016 J1: asteroide fragmentado desenvolve caudas similares a de um cometa

Seria esperado que asteroides do Cinturão Principal de Asteroides desenvolvam caudas como as que vemos em cometas? Sabemos que suas órbitas são circulares o suficiente para que os asteroides do cinturão principal não experimentem as variações radicais de temperatura que usualmente afetam os cometas quando estes mergulham na direção do periélio. No entanto, nós conhecemos …

Continue lendo »

mar 14

M42/M43: no Coração de Órion por Christoph Kaltseisd

Próximo ao centro desse preciso e magnífico retrato cósmico, no âmago da Nebulosa de Órion, residem quatro estrelas bem massivas muito quentes (entre 15 a 30 massas solares), as quais fazem parte do aglomerado aberto do Trapézio (Trapezium), descoberto por Galileo Galilei.

Continue lendo »

Posts mais antigos «