«

»

mar 04

NGC 2170: uma natureza morta cósmica revelada por Adam Block

http://www.caelumobservatory.com/gallery/n2170.shtml

Natureza morta cósmica na constelação de Monoceros (Unicórnio). Clique na imagem para ver a foto em alta resolução. Crédito: Adam Block

A empoeirada nebulosa NGC 2170 brilha (acima e à esquerda) nesta belíssimapintura celestial’. Melhor dizendo, esta ‘natureza morta cósmica’ parece ter sido criada por um pincel espacial.

Refletindo a luz das estrelas quentes próximas, a nebulosa NGC 2170 se agrupa com outras nebulosas de reflexão azuladas e uma região compacta de emissão avermelhada. A estas nuvens se somam vários filetes de poeira escura os quais formam silhuetas negras contra um fundo de estrelas.

Assim como os pintores especializados em ilustrar naturezas mortas escolhem seus objetos domésticos para retratá-los, as nuvens de gás, poeira e as estrelas luminosas que desfilam nesta imagem são objetos encontrados comumente neste tipo de cenário cósmico: uma massiva  nuvem molecular formadora de estrelas na constelação de Monoceros (Unicórnio).

A gigantesca nuvem molecular da constelação do Unicórnio, Mon R2, reside bem próxima da Terra, a uma distância estimada de ‘apenas’ 2.400 ano-luz. Nesta distância, esta tela cósmica mede 15 anos-luz de diâmetro.

Uma VISTA do Unicórnio…

Em outubro de 2010 o telescópio de infravermelho VISTA do ESO revelou os segredos do Unicórnio (Mon R2) nesta belíssima imagem abaixo:

Esta dramática visão no infravermelho revelada pelo VISTA mostra o berçário estelar Monoceros R2 que reside a 2.700 anos-luz da Terra na constelação do Unicórnio. Créditos: ESO/J. Emerson/VISTA/Cambridge Astronomical Survey Unit

Esta dramática visão no infravermelho revelada pelo VISTA mostra o berçário estelar Monoceros R2 que reside a 2.700 anos-luz da Terra na constelação do Unicórnio. Créditos: ESO/J. Emerson/VISTA/Cambridge Astronomical Survey Unit

Fontes

Astrophotography by Adam Block: NGC 2170

APOD:

._._.

2 comentários

  1. Patrezzi Luiz Pinto

    Realmente, parece uma obra de arte.

  2. kevin

    A primeira imagem é legal com uma beleza sombria mas incrivelmente linda

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

error: Esse blog é protegido!