«

»

set 28

NGC 3576: A “Nebulosa da Estátua da Liberdade” capturada por S. Mazlin, J. Harvey, R. Gilbert e D. Verschatse

O que está acontecendo dentro da nebulosa da “Estátua da Liberdade“?

http://apod.nasa.gov/apod/image/1609/StatLibNeb_Mazlin_3050.jpg

NGC 3576: a Nebulosa da Estátua da Liberdade capturada por S. Mazlin, J. Harvey, R. Gilbert e D. Verschatse (SSRO/PROMPT/UNC)

Muitos fenômenos complexos! Estrelas brilhantes e moléculas interessantes estão se formando e sendo liberadas.

Essa complexa nebulosa reside dentro da região de formação estelar denominada RCW 57.

A imagem em destaque nos revela nós densos de escura poeira interestelar, estrelas luminosas jovens, formadas há alguns milhões de anos, campos brilhantes de gás hidrogênio ionizado por essas estrelas e grandes ondas de choques compostas de gás expelido por estrelas moribundas.

Um estudo detalhado da NGC 3576, também conhecida como NGC 3582 e NGC 3584, detectou pelo menos 33 estrelas massivas nos estágios finais de formação e a clara presença de complexos de hidrocarbonetos conhecidos como PAHs (polycyclic aromatic hydrocarbons), ou seja, Hidrocarbonetos Aromáticos Policíclicos.

Os cientistas estimam que os PAHs foram gerados dentro das nuvens de gás arrefecido das regiões de formação estelar e julgam que o seu eventual desenvolvimento dentro da nebulosa que formou o Sol há cerca de 5 bilhões de anos pode ter sido um passo importante no desenvolvimento da vida na Terra.

imagem em destaque foi capturada através do Observatório Inter-Americano de Cerro Tololo no Chile.

Fonte

APOD: NGC 3576: The Statue of Liberty Nebula – créditos da imagem©: S. MazlinJ. HarveyR. GilbertD. Verschatse (SSRO/PROMPT/UNC)

._._.

0512362v1-l-band-3-5-micron-ir-excess-in-massive-star-formation-ii-rcw-57-ngc-3576

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

error: Esse blog é protegido!