«

»

set 07

NASA vai lançar espaçonave que irá estudar e recolher amostras do asteroide Bennu

http://www.nasa.gov/sites/default/files/thumbnails/image/16-019_0.png

A sonda robótica OSIRIS-REx vai viajar até o asteroide Bennu, próximo da Terra, em uma missão para recolher e enviar amostras para análise aqui na Terra. Crédito: NASA

A NASA está preparando o lançamento da desafiante missão que irá coletar amostras de um asteroide e trazer de volta para a Terra. A complexa missão irá ajudar os cientistas no estudo de como os planetas se formam e como a vida eventualmente começou, bem como melhorar compreensão de asteroides que podem impactar nosso planeta.

A espaçonave OSIRIS-REx (Origins, Spectral Interpretation, Resource Identification, Security-Regolith Explorer) vai viajar até o asteroide Bennu, que orbita perto da Terra, para recolher amostras para estudo intensivo. O lançamento está previsto para 19:05. EDT, quinta-feira, 8 de setembro de 2016, a partir da Estação da Força Aérea de Cabo Canaveral, Flórida, EUA.

Geoff Yoder, membro do Diretorado de Missões Científicas da NASA em Washington, declarou:

Esta missão é um exemplo da busca de nossa nação em ir audaciosamente estudar nosso Sistema Solar e além, afim de melhor entender o Universo e o nosso lugar nele. A ciência da NASA é o maior mecanismo de descoberta científica do planeta e a OSIRIS-REx simboliza o nosso objetivo de inovar, explorar, descobrir e inspirar.

A nave que pesa 2.110 kg (totalmente abastecida) será lançada ao espaço através do foguete Atlas V 411 durante uma janela de lançamento de 34 dias que começará no dia 8 de setembro de 2016, visando alcançar o seu alvo em 2018. Após um estudo detalhado do asteroide Bennu, a fim de caracterizar o objeto e de localizar os locais para coleta mais promissores, a OSIRIS-REx irá recolher entre 60 e 2.000 gramas de material com o seu braço robótico e enviar a amostra para a Terra através de uma cápsula em 2.023.

Dante Lauretta, pesquisador líder da OSIRIS-REx, membro da Universidade do Arizona em Tucson, disse:

O lançamento da sonda robótica OSIRIS-REx é o começo de uma viagem de sete anos para recolher e entregar amostras intactas do asteroide Bennu, O time construiu uma espaçonave extraordinária e estamos muito bem equipados para investigar o asteroide Bennu e retornar com um tesouro científico.

http://planetary.s3.amazonaws.com/assets/images/spacecraft/2016/20160902_20160819_orex_encapsulation.jpg

A espaçonave OSIRIS-REx sofre revisão antes do encapsulamento.

A OSIRIS-REX tem cinco instrumentos para explorar Bennu:

  1. OCAMS (OSIRIS-REx Camera Suite) – trata-se de um sistema que consiste de três câmaras fornecidas pela Universidade do Arizona em Tucson, que vão observar Bennu e fornecer imagens globais dos locais de coleta de amostras e testemunhar, registrando o evento de recolhimento;
  2. OLA (OSIRIS-REx Laser Altimeter) – consiste de um instrumento LIDAR (Light Detection and Ranging) fornecido pela Agência Espacial Canadense que será usado para medir a distância entre a sonda e a superfície do asteroide e irá mapear o seu formato;
  3. OTES (OSIRIS-REx Thermal Emission Spectrometer) – esse é um instrumento fornecido pela Universidade Estatal do Arizona em Tempe que irá investigar as abundâncias minerais e fornecer informações da temperatura a partir de observações no espectro infravermelho térmico;
  4. OVIRS (OSIRIS-REx Visible and Infrared Spectrometer) – trata-se de um instrumento fornecido pelo Centro de Voo Espacial Goddard da NASA em Greenbelt, Maryland, desenhado para medir a radiação no espectro visível e no infravermelho do asteroide Bennu com o intuito de identificar material mineral e orgânico;
  5. REXIS (Regolith X-ray Imaging Spectrometer) – consiste de um experimento fornecido pelo MIT (Massachusetts Institute of Technology, Instituto de Tecnologia de Massachusetts) e pela Universidade de Harvard em Cambridge, que irá observar o espectro de raios-X a fim de identificar elementos químicos presentes na superfície e suas abundâncias.

Adicionalmente, a sonda robótica tem dois sistemas que permitirão a coleta e envio para a Terra das amostras de Bennu:

  1. TAGSAM (Touch-And-Go Sample Acquisition Mechanism) – esse é um braço robótico articulado com uma cabeça de recolhimento de amostras, fornecido pela LMSS (Lockheed Martin Space Systems) em Denver;
  2. SRC (OSIRIS-REx Sample Return Capsule) – trata-se de uma cápsula com um escudo térmico e paraquedas através da qual a nave irá devolver as amostras para a Terra, fornecida pela Lockheed Martin.

Mike Donnelly, gerente do projeto OSIRIS-REx em Goddard, exclamou:

O lançamento que se aproxima é o ápice de uma tremenda quantidade de esforço por um time extremamente dedicado de cientistas, engenheiros, técnicos, pessoal de finanças e de suporte. Estou extremamente orgulhoso desta equipe e estamos ansiosos para lançar a jornada até o asteroide Bennu e o posterior regresso!

ATUALIZAÇÃO – veja o vídeo abaixo:

Fonte

NASA: NASA Prepares to Launch First U.S. Asteroid Sample Return Mission

._._.

 

3 menções

  1. OSIRIS-REx vai procurar por asteroides troianos, os companheiros invisíveis da Terra

    […] irá trazer de volta à Terra uma amostra de um asteroide vai realizar múltiplas tarefas durante a sua viagem até ao asteroide Bennu. Entre os dias 9 e 20 de fevereiro de 2017, a nave OSIRIS-REx (Origins, Spectral Interpretation, […]

  2. OSIRIS-REx vai procurar por asteroides troianos, os companheiros invisíveis da Terra » O Universo - Eternos Aprendizes

    […] irá trazer de volta à Terra uma amostra de um asteroide vai realizar múltiplas tarefas durante a sua viagem até ao asteroide Bennu. Entre os dias 9 e 20 de fevereiro de 2017, a nave OSIRIS-REx (Origins, Spectral Interpretation, […]

  3. 08 de setembro de 2016: o lançamento da espaçonave OSIRIX REX que vai explorar e enviar à Terra amostras do asteroide Bennu » O Universo - Eternos Aprendizes

    […] Para saber mais detalhes da missão leia: NASA vai lançar espaçonave que irá estudar e recolher amostras do asteroide Bennu […]

Deixe uma resposta