«

»

jun 08

A Cabeça do Cavalo em infravermelho pelo Hubble

http://apod.nasa.gov/apod/image/1606/horseheadir_hubble_1225.jpg

Visão em infravermelho da Nebulosa Cabeça de Cavalo (Barnard 33). Crédito: NASA/ESA/Hubble Heritage Team (AURA/STScI)

Esta é uma visão inédita que mostra uma parte da constelação de Órion bastante conhecida de todos nós: a Nebulosa Cabeça do Cavalo (Barnard 33).

Esta imagem fez parte das celebrações do 23º aniversário do Hubble.

Elevando-se como um gigantesco cavalo marinho rodeado por turbulentas ondas de gás e poeira cósmica a nebulosa Barnard 33 tem sido alvo de inúmeras observações.

Aqui vemos a região em infravermelho, onde as ondas mais longas de radiação nos permitem remover o véu da poeira que esconde áreas internas da nebulosa. O resultado extraordinário visto aqui é uma estrutura de aparência mais frágil, etérea, formada de casulos de gás, algo diferente do que observamos pelos telescópios óticos convencionais.

http://i0.wp.com/apod.nasa.gov/apod/image/1305/HH-HST-ESO-gendler3000.jpg

Panorâmica da região, processada por Robert Gendler. Dados: ESO, VISTA, HLA, Hubble Heritage Team (STScI/AURA). Processamento: Robert Gendler

A visão panorâmica acima combina dados do telescópio terrestre do ESO VISTA e do Observatório Espacial Hubble para criar esta perspectiva das vizinhanças cósmicas da nebulosa Barnard 33

A imagem cobre 10 anos luz de largura, na distância onde reside Barnard 33, 1.600 anos-luz, facilmente reconhecida acima e à direita.

Abaixo, à esquerda, brilha a nebulosa de reflexão NGC 2023, iluminada por uma estrela jovem massiva. Nuvens escuras abaixo da base da Cabeça do Cavalo e ao redor da NGC 2023 mostram massivos jatos avermelhados de matéria energética, conhecidos como objetos Herbig-Haro, fábricas de novas estrelas.

Para as outras visões, também fantásticas, da Nebulosa da Cabeça do Cavalo, leia: Mosaico revela detalhes da magnífica Nebulosa Cabeça de Cavalo

Fontes

NASA/ESA/Hubble: New infrared view of the Horsehead Nebula — Hubble’s 23rd anniversary image

APOD:

 ._._.

1 menção

  1. HH 212: ESO revela explosões de uma estrela recém nascida » O Universo - Eternos Aprendizes

    […] de Orion, numa região molecular densa de formação estelar, não muito longe da famosa Nebulosa da Cabeça de Cavalo. Em regiões como esta, as nuvens de gás e poeira colapsam sob a ação da gravidade, rodando cada […]

Deixe uma resposta para HH 212: ESO revela explosões de uma estrela recém nascida » O Universo - Eternos Aprendizes Cancelar resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

error: Esse blog é protegido!