«

»

set 27

27 de setembro de 2015: aprecie o Eclipse da ‘Super Lua’

Hoje, 27 de setembro de 2015, à noite a Lua Cheia brilhante atenuará sua luminosidade e ficará avermelhada.

Contudo, a Lua de hoje à noite estará particularmente mais brilhante pois se mostra na fase cheia justamente quando atinge a maior proximidade da Terra em sua órbita elíptica.

https://en.wikipedia.org/wiki/September_2015_lunar_eclipse

Comparação ente a ‘microlua’ de 04 de abril de 2015 (apogeu) e a ‘superlua’ de 27-28 de setembro de 2015 (perigeu).

De fato, devido as medidas de diâmetro aparente e brilho a Lua Cheia de hoje foi sido designada informalmente como uma ‘superlua’, muito embora a expressão super seja na verdade superestimada pois a Lua se apresentará apenas ligeiramente mais larga e mais brilhante em relação a que vemos corriqueiramente.

Em termos numéricos (ver na imagem acima uma comparação visual), a Lua no perigeu (a maior aproximação) é 14% maior visualmente que a Lua no apogeu (o maior afastamento). Isso representa um aumento no brilho de 30% entre o perigeu e o apogeu.

http://nasa.tumblr.com/post/129807068979/what-is-a-supermoon-lunar-eclipse

Muitos astrônomos, profissionais ou amadores, não apreciam do termo “superlua”. A observação de uma visível diferença entre uma Lua Cheia e uma “superlua” pode ser imperceptível para a maioria, exceto, é claro, para os observadores mais fiéis.

Alan MacRobert, editor sênior da revista Sky & Telescope, comentou:

Não seria como a diferença entre um homem comum e o “super-homem”. Realmente o perigeu lunar deveria ser chamado de uma “lua ligeiramente maior”, em vez de “superlua”.

http://nasa.tumblr.com/post/129807068979/what-is-a-supermoon-lunar-eclipse

Coincidentemente, hoje nossa Lua terá seu brilho atenuado para um vermelho escuro uma vez que teremos também eclipse total lunar em andamento, um episódio que ocorre quando a Lua é obscurecida pela sombra da Terra.

A tênue cor lunar avermelhada é resultante de um resíduo da luz solar espalhada e desviada pela atmosfera terrestre que consegue atingir a Lua durante o eclipse. Confira no diagrama abaixo:

https://pt.wikipedia.org/wiki/Eclipse_lunar

Esquema demonstra a variação de tons da Lua durante a passagem pela sombra terrestre.

A Lua de hoje à noite também tem sido chamada, desde a antiguidade, por ‘Lua da Colheita’ uma vez que ocorre próxima ao equinócio de setembro, sinalizando a colheita dos grãos no hemisfério norte terrestre.

O fato notável aqui é que os eclipses de ‘superlua’ são relativamente raros, o último eclipse total da Lua no perigeu ocorreu em 1982 e o próximo será em 2033.

O eclipse lunar total de 27-28 de setembro de 2015 irá durar mais de uma hora e será melhor visualizado a partir da América do Norte logo após o pôr-do-sol, na América do Sul no meio da noite e na Oeste da Europa antes do nascer do Sol.

Aproveitem, pois os próximos eclises totais da Lua serão em 2018, clique nas datas para saber detalhes:

Data do eclipse total lunar: Visível em:
31 de janeiro de 2018 Ásia, Austrália, Oceano Pacífico, oeste América do Norte
27 de julho de 2018 América do Sul, Europa, África, Ásia, Austrália

Eclipse ao Vivo:

Fontes

APOD: Tonight: A Supermoon Lunar Eclipse – Créditos do Vídeo: NASA‘s GSFC, David Ladd (USRA) & Krystofer Kim (USRA)

Phys.org: Supermoon plus eclipse equals rare sky show Sunday night

NASA: What is a Supermoon Lunar Eclipse?

._._.

LE2015Sep28T-Total-Lunar-Eclipse-F-Espenak-NASA

1 menção

  1. Super Lua versus Micro Lua: qual a diferença? » O Universo - Eternos Aprendizes

    […] 27 de setembro de 2015: aprecie o Eclipse da ‘Super Lua’ […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

error: Esse blog é protegido!