«

»

mar 05

Cientistas encontram novas evidências sobre a ‘Terra Bola de Neve’

Como foi a idade do gelo que deixou a Terra inteira como uma bola de neve?

http://cosmology.net/Cosmology13.html

‘Terra-Bola-de-Neve’: especula-se que a Terra passou por alguns períodos em que a glaciação atingiu até a região equatorial e a Terra inteira ficou coberta por gelo e neve. Agora, no Canadá, cientistas descobrem mais evidências deste fenômeno que impactou na evolução da vida.

Uma equipe de geólogos forneceu novas evidências sobre a invasão do gelo marinho até o equador terrestre há 716,5 milhões anos. Os resultados, publicados na revista Science, proporcionam novos detalhes sobre como a Terra virou uma ‘bola de neve’ e os novos dados reforçam a teoria de que o planeta esteve coberto de gelo em todas as latitudes. Mas, com exceção dos animais complexos, os principais grupos de eucariotas já existiam antes da glaciação.

Nesta foto do território de Yukon no Canadá, vemos uma camada rica em ferro de 716,5 milhões de anos. Aqui vemos os depósitos glaciais (na cor marrom) em cima de um antigo recife de carbonato (na cor cinza) que se formou nos trópicos. Crédito: Francis A. Macdonald / Harvard University

Nesta foto do território de Yukon no Canadá, vemos uma camada rica em ferro de 716,5 milhões de anos. Aqui vemos os depósitos glaciais (na cor marrom) em cima de um antigo recife de carbonato (na cor cinza) que se formou nos trópicos. Crédito: Francis A. Macdonald / Harvard University

O ponto de partida da pesquisa conduzida pelos cientistas da Universidade de Harvard consistiu na análise das rochas antigas encontradas no noroeste tropical do Canadá (montanhas Yukon).

“Esta é a primeira vez que foi demonstrado que a era glacial Sturtian também se estendeu até as latitudes tropicais, evidências diretas de que essa era do gelo gerou a ‘Terra-Bola-de-Neve’, disse Francis A. Macdonald, autor e professor adjunto do Departamento de Ciências Planetárias e Ciências da Terra da Universidade de Harvard. “Nossos dados também sugerem que a glaciação Sturtian durou pelo menos 5 milhões de anos”, acrescentou o pesquisador.

http://en.wikipedia.org/wiki/Snowball_Earth

O diagrama mostra as eras desde 1 bilhão até 550 milhões de anos atrás. Em verde são destacados os supostos períodos quando a Terra ficou inteiramente coberta de neve.

Vida Eucariótica

Entre os dados fornecidos pelos cientistas destaca-se a análise da vida eucariótica. De acordo com o artigo “Calibrating the Cryogenian”, publicado na Science, a luz solar e a água líquida superficial  permaneceram disponíveis em algum lugar na superfície da Terra para permitir a sobrevivência da vida eucariótica.

Os pesquisadores também assinalam que os primeiros animais surgiram praticamente ao mesmo tempo, seguindo um aumento significativo na proliferação dos eucariotas.

“Mesmo em uma Terra convertida em ‘bola de neve’ havia gradientes de temperatura e é provável que o gelo fosse dinâmico e fluente, enfraquecendo-se e formando áreas locais de águas abertas, fornecendo um refúgio para a vida”, disse Macdonald .

“O registro fóssil sugere que todos os principais grupos eucarióticos, com exceção dos animais complexos, já existiam antes da glaciação Sturtian”, disse Macdonald. Por esta razão, os pesquisadores se perguntaram: se houve uma ‘Terra-Bola-de-Neve’, como é possível a sobrevivência dos eucariotas?

Assim, os cientistas indagam: foi a glaciação Sturtian que estimulou a origem e a evolução dos animais?

“Do ponto de vista da evolução nem sempre é algo negativo que a vida na Terra sofra situações extremas”, relembra o pesquisador.

Pedras tropicais no Canadá

As rochas estudadas por Macdonald e sua equipe no Território de Yukon (Canadá) mostraram evidências de depósitos glaciais e outros sinais de glaciação tais como as superfícies estriadas (rochas transformadas em partículas de tamanhos variados), detritos transportados pelo gelo e deformação dos sedimentos não consolidados.

A partir da análise do magnetismo e da composição destas rochas, os cientistas determinaram que há 716,5 milhões anos as rochas estavam no nível do mar nos trópicos, a cerca de 10° de latitude.

http://en.wikipedia.org/wiki/Albedo

O albedo relativo aos tipos de superfície: repare no alto albedo da neve (snow) e das nuvens (cumulus, stratus e cirrus). A neve fresca (snow fresh) tem maior albedo que a neve antiga (snow old). Por outro lado o nível mais baixo de albedo está nos oceanos (water).

O Albedo da Terra

“Devido ao alto albedo do gelo, os modelo climáticos estimam que se o gelo do mar alguma vez chegou até os 30° de latitude a partir do Equador, então todo o resto do oceano se congelaria rapidamente” em seguida, afirmou o autor principal do artigo. Isto demonstra que o estudo nos permite entender com “bastante certeza” que havia gelo em todas as latitudes da Terra durante a glaciação Sturtian.

Embora os cientistas não saibam com exatidão que eventos provocaram ou encerraram o período Criogeniano, MacDonald disse que sua duração de 176,5 milhões de anos coincide com a existência de uma grande região vulcânica que se estendia por mais de 1.500 quilômetros do Alasca até a Ellesmere Island, no extremo noroeste do Canadá. Esta coincidência pode significar que possivelmente o gelo finalmente se precipitou ou terminou devido a uma intensa atividade vulcânica.

Fontes

Science Magazine: “Calibrating the Cryogenian” vol 327, 5 de março de 2010

Autores: Francis A. Macdonald, Mark D. Schmitz, James L. Crowley, Charles F. Roots, David S. Jones, Adam C. Maloof, Justin V. Strauss, Phoebe A. Cohen, David T. Johnston e Daniel P. Schrag

Science Daily:

._._.

2 comentários

2 menções

  1. Bruno

    Desculpe a minha curiosidade.. não entendi o porque de “Devido ao alto albedo do gelo, os modelo climáticos estimam que se o gelo do mar alguma vez chegou até os 30° de latitude a partir do Equador, então todo o resto do oceano se congelaria rapidamente” ? se num futuro as calotas chegassem nessas latitudes seria um caminho irreverssível?

    Parabens pelo Blog, um abraço.

    1. ROCA

      Bruno,
      Excelente pergunta, bem notado!
      As simulações computacionais indicam justamente isso. São modelos fisico-matemáticos que rodam em poderosos computadores que modelam o clima e simulam estas hipóteses.
      Lembre-se que o albedo para neve-gelo está na faixa dos 70 a 90%.
      Por outro lado o albedo dos oceanos é só 10%.
      Já pensou trocar oceano (água) por neve?
      Se a neve chegar ao 30 graus de latitude o aumento gigantesco no albedo da Terra cuida do resto, refletindo a luz solar com alta eficiência, esfriando o globo terrestre… e o gelo chegaria facilmente ao Equador.

  1. Exoplanetas em Sistemas Cirbumbinários, do ‘tipo Tatooine’, podem ser eventualmente habitáveis » O Universo - Eternos Aprendizes

    […] zona habitável dos seus dois sóis, acabaria eventualmente em um chamado estado extremo de “bola de neve“, ou seja, completamente coberto de gelo. Mais perto do que o limite interno da zona […]

  2. Antigo ecossistema antártico pode ser similar a ambientes com vida em outros mundos « Eternos Aprendizes

    […] a responder questões sobre como foi a vida no período denominado “Snowball Earth” (Terra Bola de Neve), no qual uma enorme camada de gelo cobriu integralmente o planeta Terra. “Essa salmoura é […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

error: Esse blog é protegido!