«

»

2012: Não haverá Planeta X

Não haverá Planeta X!

Não haverá Planeta X!

Tendo em vista os diversos alertas e notícias falsas sobre tragédias a ocorrer no ano de 2012  alegando o  suposto ‘fim do calendário Maia‘, estamos postando uma série de artigos para desmistificar esses cenários apocalípticos impossíveis. Esse é o terceiro artigo que fala sobre o suposto Planeta X que supostamente se aproximará perigosamente da Terra em 2012 e provocará o ‘fim do mundo.

2012: No Planet X (2012: Não haverá Planeta X)

[ Tradução do artigo escrito por Ian O’Neill na Universe Today ]

Aparentemente, o Planeta X (também conhecido como Nibiru) foi observado pelos astrônomos no princípio dos anos 80, nos confins mais remotos do Sistema Solar. O tal planeta tem sido seguido por observatórios infravermelhos, foi visto rondando pelo Cinturão de Kuiper e agora acelerando justamente em nossa direção e entrará no Sistema Solar interior em 2012. Então, o que isso quer dizer para nós? Bem, os efeitos de aproximação do Planeta X sobre nosso planeta serão bíblicos e mais ainda, esses efeitos estão sendo sentidos desde agora. Milhões, ou até mesmo bilhões de pessoas morrerão, o aquecimento global vai aumentar, terremotos, saques, fome, guerras, colapso social, incluindo explosões solares assassinas, todas essas desgraças serão causadas por Nibiru quando ele passar através do núcleo do Sistema Solar. Tudo isto irá ocorrer em 2012, e devemos começar a nos preparar para nossa extinção desde já…

Como já se investigou em artigo anterior, “2012: Não Haverá o ‘fim do mundo’“, tem-se dado grande importância para o suposto evento chamado “o final do calendário Maia de Contagem Longa“. De acordo com este calendário e mitos Maias, algo ocorrerá em 21 de dezembro de 2012. Agora, os apocalípticos que apóiam o Planeta X parecem ter calculado que seu hipotético e letal planeta viajará em uma excêntrica órbita para causar um caos gravitacional na Terra, causando danos ambientais, econômicos, geológicos e sociais e matando a uma grande parte da vida terrestre… e tudo isso tem data marcada: 2012.

Sinto muito, mas os “fatos” que estão por trás do mito do Planeta X/Nibiru simplesmente não têm o menor sentido. Então não se preocupe, o Planeta X não baterá em nossa porta em 2012.

Explicarei a seguir as razões…

Netuno

Nibiru e o Planeta X

Em 1843, John Couch Adams (um matemático e astrônomo britânico) estudou as perturbações orbitais de Urano e deduziu através das interações gravitacionais que deveria existir um oitavo planeta após Urano, perturbando sua órbita. Isto levou a descoberta de Netuno, orbitando a uma distância de 30 UA do Sol. Tem havido diversas ocasiões nas quais este método tem sido usado para deduzir a existência de outros corpos no Sistema Solar antes que fossem vistos de forma direta através de telescópios.

Netuno, por sua vez, também experimentava perturbações orbitais, mas com a descoberta de Plutão em 1930, pensou-se que o bem denominado “Planeta X” havia sido finalmente descoberto. Desgraçadamente, a massa de Plutão era diminuta e quando se analisou a órbita de Caronte (lua de Plutão), verificou-se que a massa do sistema Plutão-Caronte era demasiada pequena para afetar consistentemente a órbita de Netuno. A busca do Planeta X prosseguiu…

Depois de anos de especulação e pesquisa histórica, acreditava-se que um grande objeto alvo da busca contínua dos astrônomos era um grande planeta ou uma pequena estrela, possivelmente uma estrela companheira do nosso Sol (tornando assim o Sistema Solar um sistema binário). O nome “Nibiru” foi desenterrado pelo autor Zecharia Sitchin, na suposição da possível intervenção de extraterrestres nos inícios da história da humanidade. Nibiru é um hipotético planeta procedente da cultura suméria (os sumérios existiram ao redor de 6.000 a.C até 3.000 a.C, antecessores dos babilônios, que viveram onde atualmente se situa o Iraque). Há pobres evidências arqueológicas a sugerir que este mítico planeta tem algo que ver com o Planeta X. Mas dada esta duvidosa conexão, agora os profetas do apocalipse pensam que o Planeta X e Nibiru são a mesma coisa, um antigo corpo astronômico que agora vai retornar depois de uma longa órbita nos confins de nosso Sistema Solar.

OK, se então a conexão Nibiru/Planeta X pode ser questionável, existe por outro lado alguma evidência sólida sobre a presença de algum possível candidato a Planeta X moderno?

Planeta X Nancy20

Observações infravermelhas = Planeta X ?

Há muita ênfase na “alegada descoberta” em 1983 que destaca um misterioso corpo celeste detectado pelo “Infrared Astronomical Satellite” da NASA (IRAS) nos confins do Sistema Solar, a aproximadamente 540 UA de distância do Sol. Naturalmente, na ocasião, as mídias de comunicação de todo o mundo ficaram entusiasmadas por tal descoberta e começaram a gerar rumores, espalhando que talvez esse objeto seja o procurado Planeta X (o artigo mais popular que defendeu essa tese foi o do Washington Post, publicado em 31 de dezembro de 1983 e intitulado “Descoberto um misterioso corpo celeste” – “Mystery Heavenly Body Discovered“). Na realidade, os astrônomos não estavam confiantes de que era realmente o misterioso corpo infravermelho (a pista está na palavra “misterioso”). Os informes originais das mídias postulavam que poderia ser um cometa de longo período, ou um planeta, ou uma galáxia jovem, ou uma proto-estrela (ou uma anã marrom). Tão logo que se mencionou a última possibilidade, tal rumor se converteu na “descoberta” de que o Planeta X era na realidade uma anã marrom que orbitava nos confins mais distantes do Sistema Solar.

“Tão misterioso é o objeto que os astrônomos não sabem se é um planeta, um cometa gigante, uma “proto-estrela” próxima que nunca teve calor suficiente para converter-se em estrela, uma galáxia distante tão jovem que ainda está em processo de formar suas primeiras estrelas ou uma galáxia envolta em pó que bloqueia a luz gerada por suas estrelas”. – Thomas O’Toole, Escritor associado ao Washington Post, 30 de dezembro de 1983 (conforme texto do site Planet X and Pole Shift).

Então, de onde obteve essa história o Washington Post? A história foi publicada em resposta ao artigo de pesquisa titulado Unidentified point sources in the IRAS minisurvey (“Fontes pontuais não-identificadas na pesquisa do IRAS” por Houck et al publicado em Astrophysical Journal Letters, 278:L63, 1984). O Dr. Gerry Neugebauer, co-investigador do projeto IRAS, foi entrevistado e afirmou categoricamente que o que IRAS viu não sugeria que houvesse um objeto aproximando-se da Terra. Lendo esta interessante pesquisa, fiquei especialmente atraído pela conclusão do artigo científico:

“Um número de identificações candidatas tem sido consideradas, incluindo objetos extragalácticos e galácticos próximos ao Sistema Solar. Posteriores observações em infravermelho e outras faixas de freqüência de onda podem proporcionar informação adicional para apoiar alguma de estas conjeturas, ou talvez, estes objetos irão necessitar de interpretações completamente distintas”. – Houck et al, Astrophysical Journal Letters, 278:L63, 1984.

Embora estas observações publicadas do IRAS terem mencionado vagamente objetos misteriosos, nessa ocasião não havia nenhuma indicação de que existisse um objeto (muito menos uma anã marrom) aproximando-se de nós. Mas os rumores já haviam começado a fluir. Quando se publicaram posteriores artigos em 1985 (“Unidentified IRAS sources – Ultrahigh-luminosity galaxies“, Houck et al., 1985) e 1987 (The IRAS View of the Extragalactic Sky, Soifer et o., 1987), já haviam bem poucos interessados em seus argumentos esclarecedores. De acordo com estas novas publicações, a maioria das observações do IRAS no artigo de 1984 eram na realidade jovens galáxias ultra-luminosas e uma delas era uma estrutura filamentosa conhecida como “cirrus infravermelho” flutuando no espaço intergaláctico. O IRAS, de fato, nunca observou nenhum corpo astronômico nos confins do Sistema Solar.

Perturbações orbitais = Planeta X?

Além da “descoberta de 1983″ da “anã marromPlaneta X, a afirmação de 1992 sobre o Planet X era algo assim: “Desvios inexplicáveis nas órbitas de Urano e Netuno apontam para um grande corpo fora do solar sistema solar com 4 e 8 vezes a massa da Terra, em uma órbita muito inclinada, há 11 bilhões de quilômetros do Sol”, – texto de uma fonte da NASA não citada no vídeo “Planet X Forecast and 2012 Survival Guide” (“Previsão e Guia de Sobrevivência para a vinda do Planeta X”).

O cinturão de Kuiper - Crédito©: Don Dixon (www.cosmographica.com)

O cinturão de Kuiper – Crédito©: Don Dixon (www.cosmographica.com)

Apoiando-se na descoberta de planetas usando as medidas de perturbação orbital, os defensores do Planeta X apontam para esse tal alegado anúncio da NASA em 1992. Nesse cenário foram apuradas medidas indiretas de um planeta a aproximadamente 11 bilhões de quilômetros da Terra. Desgraçadamente, não se encontrou a fonte original desta afirmação para se fazer a confrontação. A única grande descoberta que a NASA anunciou sobre este tema em 1992 foi o descoberta do primeiro grande objeto trans-netuniano (TNO) denominado 1992 QB1 (os detalhes da descoberta deste objeto da classe cubewano estão detalhados aqui na transcrição original do anúncio). 1992 QB1 possui um diâmetro de 200 km e está confinado no Cinturão de Kuiper, uma zona de planetas anões (onde reside Plutão) e asteróides entre 30 UA e 55 UA, além da órbita de Netuno. Alguns destes corpos (exemplo: Plutão) cruzam eventualmente o caminho da órbita de Netuno e são por isso designados como TNO. Estes TNOs não proporcionam nenhuma ameaça contra a Terra (muito menos eles abandonarão o Cinturão de Kuiper para fazer-nos uma visita em 2012).

Desde então, qualquer perturbação orbital de Netuno tem sido associada a erros observacionais e não se têm observado quaisquer problemas com as apurações da órbita desse planeta desde então… pelo que parece não há nenhum objeto óbvio maior que qualquer dos que existem no Cinturão de Kuiper ali fora. Ainda assim, para manter uma mente aberta, vamos supor que poderiam até haver corpos por descobrir (isso poderia explicar por que há uma queda na concentração tão marcante dos objetos do Cinturão de Kuiper na “Falésia de Kuiper”), mas não há provas de que um corpo massivo está se aproximando desde a vizinhança do Cinturão de Kuiper. Além disso a estranha anomalia da Pioneer a qual as sondas Pioneer e Voyager estão experimentando também não se pode atribuir ao Planeta X. Esta anomalia parece ser uma aceleração até o Sol, se houvesse um planeta massivo ali fora, este provocaria algum efeito gravitacional contrário…

Anã Marrom

4 a 8 massas terrestres = uma anã marrom!?!? Tem que ser o Planeta X!

Provavelmente a inconsistência mais evidente na hipótese do Planeta X é a afirmação dos defensores do Planeta X de que o objeto de 1984 de IRAS e o corpo de 1992 são o mesmo. Como anunciado em diversas páginas da web e vídeos on-line sobre o Planeta X, a observação de 1984 de IRAS viu o Planeta X a 80 bilhões de quilômetros da Terra. O “alegado anúncio” da NASA de 1992 colocou o Planeta X a uns 11 bilhões de quilômetros da Terra. Portanto, seguindo a lógica, o Planeta X havia viajado 69 bilhões de quilômetros ao longo de apenas oito anos (de 1984 a 1992). Baseado então em alguns duvidosos cálculos matemáticos, o Planeta X é então esperado que alcance o centro do Sistema Solar em 2012 (embora muitos acreditassem que deveria haver chegado em 2003… obviamente estavam equivocados em sua previsão).

Bom, penso assim que nós estamos mordendo nossa língua agora. Para começar, para que o objeto de 1984 fosse exatamente o mesmo que o objeto de 1992, certamente estes corpos deveriam ter a mesma massa. Se o Planeta X era de fato uma anã marrom (como as observações do IRAS nos levou a supor), como é possível tal objeto pesar tão somente de 4 a 8 massas terrestres oito anos depois? As anãs marrons têm uma massa na faixa de 15-80 vezes a massa de Júpiter. Dado que Júpiter tem aproximadamente 318 massas terrestres, o objeto que se dirige até nós deveria ter uma massa de entre 4.770 e 25.440 massas terrestres, não é? Dessa forma, vou ser taxativo aqui e concluir que os objetos de 1984 e de 1992 (se é que existiram alguma vez tais objetos) nunca poderiam ser os mesmos. A diferença de massas entre esses alegados objetos é abismal…

Se não há provas que apóiem o Planeta X, deve(?) então haver uma conspiração dos governos

Parece agora que é bem fácil alegar dúvidas sobre a pretensa teoria “científica” básica que está por trás do suposto Planeta X. Tampouco vejo razões para estender o assunto aqui para discutir as razões históricas (extinções massivas, atividade vulcânica, terremotos etc.) sobre as quais os profetas do apocalipse acreditam que justificam o tal Planeta X. Se não há nenhum planeta ofensor lá fora com uma massa significativa, como poderia ser Nibiru uma ameaça para nós em 2012?

Os profetas do apocalipse tentarão nos convencer que há uma conspiração global dos governos internacionais para ocultar os fatos. A NASA estaria implicada neste acobertamento, dada a falta de evidências sobre o Planeta X. Em minha opinião, simplesmente a falta de provas não indica uma conspiração para ocultar a verdade do público. Por que acreditar que os governos ocultariam uma “descoberta” tão histórica e formidável como um planeta apocalíptico aproximando-se o Sistema Solar interior? Ah! É para evitar o pânico nas massas e seguir com suas próprias agendas secretas (obviamente).

Como resultado, este é o único ponto de apoio atrás do mito do Planeta X. Quando os confrontamos com os fatos científicos, os defensores do Planeta X respondem “… os governos nos enviam desinformação para encobrir a verdade sobre as observações de Nibiru“. Embora eu até aprecie eventualmente uma bem construída tese de teoria da conspiração, não apoiarei nada em nome do Planeta X. Se a ciência básica que nos tem levado a concluir que a tese da existência do Planeta X está errada, parece então um argumento pobre dizer “mas foi o governo que fez isso”.

Assim, a história que o Planeta X chegará em 2012 é, em minha opinião, uma total estupidez (mas ela ajuda a vender livros e DVDs, criados pelos profetas do apocalipse, a gente aterrorizada). Desta forma, Nibiru seguirá tão somente nos domínios dos mitos sumérios.

É importante frizar que a busca pelo Planeta X é um tema que não se esgota por aqui. Há 3 artigos interessantes que trazem novidades sobre o avanço desta procura astronômica, se você quer saber mais, clique nos links abaixo:

  1. A procura pelo planeta X vai ganhar um reforço extra do observatório Pan-STARRS
  2. A procura do Planeta X: poderá um mundo do tamanho da Terra estar orbitando no Sistema Solar Exterior?
  3. Conjecturas sobre o Sistema Solar: Onde está o verdadeiro Planeta X? Onde está Nêmesis?

Fontes e referências

AstroPT: 2012 – Fim do Mundo

Eternos Aprendizes:

astroengine.com2012 por Ian O’Neill

Universe Today por Ian O’Neill:

Bad Astronomy: The Planet X Saga: Introduction

No Tenth Planet Yet From IRAS

Surviving 2012 and Planet X (Video)

The SAO/NASA Astrophysics Data System

IRAS

Planet X and Pole Shift

._._.

48 comentários

15 menções

Pular para o formulário de comentário

  1. Marileu

    Quem falou pela primeira vez em NIRIBU foi Zecharia sitchin. Li todas as suas obras. Em nenhuma está dizendo que esse planeta iria colidir com a terra. Tenho lido na internet muitos detratores de Zecharia dizendo que a maioria de cientistas ou arqueólogos ou outros eruditos contradizem as suas decifrações das tabuas sumericas. Eu gostaria que essas pessoas fossem nominadas e o que dizem o que realmente está escrito nessas tabuletas.

    1. ROCA

      Marileu,

      Este aqui é um site de ciências com foco em astronomia e espaço. Aqui você não vai encontrar essa informação. Pesquise.

      Zecharia Sitchin é pseudo-cientista. Além disso, quando Sitchin escreveu seus livros, apenas os especialistas podiam ler a linguagem suméria, mas agora qualquer um pode conferir suas traduções através de um livro de 2006, o Sumerian Lexicon.

    2. ROCA

      Leia aqui sobre Zecharia e Nibiru, aqui:

      Planeta X não é Nibiru

      http://eternosaprendizes.com/2009/01/18/2012-o-planeta-x-nao-e-nibiru/

  2. Prezado ROCA,

    Antes gostaria de parabenizá-lo pela iniciativa do blog. Gostaria que você visse o video no youtube:http://www.youtube.com/watch?v=rfIon96VwGU.

    O que me chama a atenção é que o palestrante faz uma séria de referencias a documentos expedidos por Universidades norte-americanas e pela própria Nasa.

    Achei bem interessante( para não dizer convincente) o que ele diz sobre as anomalias que estão ocorrendo com os planetas do sistema solar recentemente.
    Veja e por favor, me dê retorno.
    Abraço.

  3. Olá ROCA,

    Gostaria inicialmente de parabenizá-lo pelo site. O objetivo é nobre e precisamos disso para chegarmos a um consenso sobre a “verdade”. Assistindo a uma palestra de um expositor espírita, fiquei bastante impressionado com as considerações dele no que tangem a parte CIENTIFICA, inclusive fazendo referencia a University Cornell e ao JPL( JET LABORATORY PROPULSION da Nasa). A parte da palestra( que por sinal dura 3 horas ininterruptas) que fala sobre a ANOMALIA existente no movimento dos planetas solar me chamaram muito a atenção.
    Veja a palestra( na parte cientifica, pois na espiritual cada um tem uma) e me dê um retorno.
    O endereço é: http://www.youtube.com/watch?v=rfIon96VwGU.
    Verifique abaixo do video no youtube que ele se reporta a DIVERSAS FONTES de universidades norte-americanas dentre outras.

    Por favor, veja o video e me dê retorno.

    Abraço.

  4. Para refletir sem brigas ok: Em toda a historia da humanidade, todas as civilizações tiveram inicio, meio e fim, comprovadamente por historiadores, geólogos e cientistas da área estudada, através de milhares de pesquisas ao longo dos tempos estudados. Porque esta agora teria de contrariar a lógica histórica da evolução da humanidade? refletimos. Semana passada um respeitado astrofísico brasileiro, após vários cálculos de pesquisas informou que ele chegou a 99,8% de ter detectado um provável corpo com massa superior ao da terra, verificando as anomalias de asteroides desviando de rotas e fragmentando-se e que para tal fenômeno só possível com a presença de um novo corpo planetário de grande massa e ao analizar estas descobertas um outro astrofísico americano falou assim: vindo deste astrofísico eu acredito devido seu respeitável currículo científico. esta no terra sete dias atrás. o waiser se é assim que se escreve, após varreduras com infravermelhos mapeou em torno de nossa galáxia e detectou um provável corpo de grande massa e que poderá ser o tal planeta x, comentam os observadores. A NASA mesmo descobrindo tal planeta, jamais irá informar publicamente devido a politica do acobertamento que existe desde os anos de 1959/60,e que ganhou mais força nos atuais governos dos EUA, jamais estas informações terá força no meio comum, porque não ah interesse político global para divulgação em massa (controle) fonte:CIA. milhares de literaturas psicografadas do mundo espiritual, vem nos informando das grandes transformações de ordem geológicas que afetará a humanidade sem a destruição do planeta, porém milhões morreram e uma nova ordem de politica nascerá na terra, a verticalização do eixo é uma das consequências com a aproximação do planeta que passará próximo da terra que vai durar quase um ano seu efeito. amigos, onde a fumaça á fogo!!! abraço

  5. Bem, o que acontece é que realemnte naoe xistem dados que fundamentem qualquer objeto que esteja se aproximando da terra, daqui para 2012 (ou algo está sendo escondido). O fato é que os Sumérios possuiam um conhecimento “inexplicavelmente muito avançado pra sua época”, por exemplo, sabiam que netuno tinha uma cor azul esverdeada, informação esta que só foi descoberta no sécuo XX. Esse exemplo e muitos outros já foram descritos pelos sumérios a pelo menos 8 mil anos. Então, se eles foram capazes de dar dados tão precisos sobre corpos celestes que eles nao são possiveis visualizarem da terra, então acredito realmente que eles tambem estejam corretos ao descreverem,de fato, a existencia um outro corpo que possui uma orbita bastante excentrica entre jupiter e marte e que provoque perturbações nas orbitas de outros planetas. Acho muita mediocriadade considerar que as perturbações nas orbitas de netuno não passam de meros erros. Prefiro continuar com os súmerios, pelo menos, até agora, eles acertaram. Se um ou outro diz que ele está vindo em 2012, é baseado em supostos calculos ligados a cultura maia, o que não tem nada a ver com os sumérios e com nibiru: uma coisa nao invalida a outra.

    1. ROCA

      Netuno foi descoberto em 1846 por dedução matemática. Netuno é invisível a olho nú!!! Impossível ps Sumérios saberem de Netuno pois não tinham instrumentos óticos adequados. Vc foi enganado.

  6. É impressionante, a ignôrancia das pessoas à respeito, eu tenho observado não apenas neste mas em outros sites, que falam desse tal Planeta X do fim do mundo etc. E é mais impressionante ainda, que pessoas que não entendem nada do assunto sempre associam quaisquer tipo de fatos astronômicos com Deus com o retorno de Jesus ou com o fim dos tempos com criação etc. E eu sempre tento evitar ler as opiniões das pessoas à respeito, porque se tem algo que me repudia é a burrice (desculpa a palavra) das pessoas, então até evito ler, pessoal vamo nos informar mais, vão estudar mais antes de associar tudo à Deus, NÃO EXISTE PLANETA X, NÃO HAVERÁ FIM DO MUNDO, e tudo isso é inventado por fanáticos religiosos (ignorantes), porque pessoas com conhecimento de verdade não acreditam nisso. E outra se existisse a probabilidade de um possível Planeta X cruzar a óbita terrestre em 2012, a NASA já teria se pronunciado à muito tempo. Pelo amor de Deus pessoal, vamos parar e pensar um pouco por conta própria e não levar à sério tudo que vocês ouvem falar, lêem na bíblia ou assistem na TV. Outra coisa impressionante, é como as pessoas realmente acreditam em qualquer asneira como essa, e não acreditam em fatos que já estão mais do que comprovados, como por exemplo, quanta gente por aí que ainda não acredita que o homem foi à lua? Sabe, eu ainda tenho a esperança de que algum dia às pessoas, sejam capazes de “pensar” por conta própria. Parabéns pelo site Ricardo, sou um fã desse site como amante de astronomia. 😉

    1. Renan

      Senhores e afins; antes de chamarem a população comum de ignorantes, primeiro temos que descer os degraus da humildade e pesquisar sem definição; leiam os que realmente entendem de “astronomia” desde os anos 50 até os dias atuais e aprendam um pouco de ciência!! copiem e colem no google!

      http://conflitofinal.blogspot.com.br/2012/06/o-planeta-x-hercolobus-na-grande-midia.html

    2. ROCA

      Renan, esta “pesquisa” de textos antigos está COMPLETAMENTE desatualizada (só cobre até anos 1990) e é calcada em notícias sensacionalistas e fontes “não científicas”.
      Dos anos 90 para cá a astronomia evoluiu drasticamente, com novos equipamentos, telescópios com espelhos bem grandes e observatórios espaciais que enxergam não só no visível mas também em infravermelho (e outras radiações, como Raios-X, Raios Gama, rádio, microondas, etc).
      Tanto é que centenas de objetos de porte razoável tem sido encontrados.

      Leia a entrevista com Mike Brown o astrônomo que descobriu Éris e que investiga o Sistema Solar na busca por corpos que orbitam o Sol (os “planetas menores”):
      http://news.discovery.com/space/alien-life-exoplanets/mike-brown-planetx-pluto.htm

    3. Renan

      Rocca; recebi suas informações em 16/04, claro que sei que tudo evoluiu muito não só nesta área e também em todas as outras; porém esta evolução pode não ser o suficiente para dar por encerrado e definitivo tais observações tanto que muitos cientistas e astrofísicos inclusive um famoso brasileiro não deram por encerradas as hipóteses da existência do astro em questão; continuam recalculando, observando desvios inexplicáveis de cometas e outra anomalias no campo astronômico; acho que é mais cauteloso então dizer quê; “ainda não foi encontrado” ao invés de “nunca será encontrado” porquê falta muito a ser conhecido e entendido sobre a Imensidão do universo. abraço Renan

    4. ROCA

      Renan,

      O artigo que você está comentando é sobre o mito de 2012, que já passou, e não aconteceu absolutamente nada no dia 21/12/2112. Não acharam planeta X, Nibiru, cometa assassino ou qualquer outro objeto que iria passar perto da Terra e tumultuar nossa vida.

      Como diz o Mike Brown, se há um objeto grande (tipo Marte ou Terra) para lá dos confins do Sistema Solar então este objeto não está no cinturão de Kuiper onde centenas de “planetas menores” já foram achados.

      Se há um planeta perdido (de porte maior, como a Terra) então este está para lá da Nuvem de Oort, na região de 1 ano-luz de distância do Sol. Nesta distância nossos telescópios atuais ainda não tem capacidade de enxergar.

      O estudo recente, que envolveu a análise de dados coletados pelo observatório WISE, cobrindo todo o céu no infravermelho, não encontrou nenhum objeto do tamanho de Saturno ou maior até uma distância de 10.000 UA (Unidades Astronômicas), e nenhum objeto maior que Júpiter até 26.000 UA. [Uma Unidade Astronômica mede cerca de 150 milhões de quilômetros – a distância entre a Terra e Sol. A Terra está a 1 UA, e Plutão a cerca de 40 UA, do Sol]

      Planetas errantes, sabemos que há diversos por aí, mas são dificílimos de detectar. Leia aqui: http://eternosaprendizes.com/2010/05/04/ana-marron-errante-descoberta-a-9-anos-luz-da-terra-nos-lembra-um-jupiter-solitario/

      Se acharmos um planeta interestelar errante, isto será excelente como um passo intermediário a atingir antes de seguirmos para as estrelas mais próximas (que estão muito longe), uma ótima notícia para o futuro da exploração espacial, leia:

      “Ilhas no caminho das estrelas”

      “O recente artigo Nomads of the Galaxy (Nômades da Galáxia) estima um número absoluto surpreendente de objetos errantes. Os autores calculam que pode haver até 100.000 corpos compactos por estrela na sequência principal, cada um com massa da ordem de Plutão ou superior. A modelagem toma por base o que encontramos a partir da análise dos tamanhos dos Objetos do Cinturão de Kuiper (KBOs) até chegar aos objetos bem maiores, da ordem de várias vezes a massa de Júpiter. As evidências existem e apontam que os nômades em aglomerados estelares seguem uma suave derivação da distribuição das anãs marrons (anãs castanhas, em Portugal). O artigo sugere, a partir de estudos com técnicas microlentes gravitacionais e observação direta, que a galáxia está preenchida por objetos de massa planetária, a maioria relativamente pequena, mas com alguns corpos maiores do que Júpiter.”

      http://eternosaprendizes.com/2012/03/01/ilhas-no-caminho-das-estrelas/

      \o/

      É isso que temos até então.

    5. Renan

      E Quem garante que Mike Braw não está sendo muito bem pago para ficar bem caladinho e ou sofrendo pressão do governo local para se calar diante da população???? quem tem tem medo não é??? então porquê quando milhares de pilotos da aviação comercial e de forças armadas sofrem e sofreram inúmeras ameaça da perda do emprego e outras coisas a mais bem pior para se calarem sobre ufos e ou ovinis ??? e só agora começam aos poucos falarem por que já estão aposentados??? porquê seria diferente com outras áreas a política do acobertamento em tudo??? eu não confio em niguem mesmo meus amigos!!! abraço

    6. ROCA

      A palavra do Dr. Mike Brown é suficiente para mim e deveria ser suficiente para você também.

      “Ian O’Neill: So, this Planet X/Nibiru thing… how do I know you’re not a part of a grand conspiracy…?

      Mike Brown: I don’t get paid enough to be part of a conspiracy that big.”

      Where Are You Hiding Planet X, Dr. Brown?
      NOV 4, 2009 03:00 AM ET // BY IAN O’NEILL

      http://news.discovery.com/space/alien-life-exoplanets/mike-brown-planetx-pluto.htm

    7. Renan

      É pessoal tem “muita” coisa por debaixo dos “tapetes” é só levantar que sai “muita poeira e outras coisitas mais” !!! boa leitura a todos!! abraço

      thoth3126.com.br/novo-telescopio-no-polo-sul-spt-south-pole-telescope/‎

    8. Renan

      Agora é claro vão dizer “sem conhecer as pessoas” que são tudo desinformados, sem conhecimento, e que tão inventando para alertar as massas, etc etc etc.. faz favor pessoal!!! leiam!
      abraço

      http://ultimatesurvival.net/nibiru-system-south-pole-telescope-red-alert/

    9. ROCA

      Renan,
      Você está perdendo seu tempo em confiar em sites obscuros de pseudo-ciência. Onde estão as fontes confiáveis? De mentiras e charlatanismo a Internet está cheia!

    10. Renan

      https://www.google.com.br/search?q=interior+do+south+pole+telescope&oq=interior+do+south+pole+telescope&aqs=chrome..69i57.15775j0j8&sourceid=chrome&es_sm=93&ie=UTF-8

      Para apreciação das fotos internas do South Pole Telescope; inclusive um “curioso logotipo criado por eles com um extraterrestre e o “Nibiru” juntos!! e várias fotos do mesmo. abraço!

    11. Renan

      Tudo bem seus comentários; mas não ha garantias de quê se algo for verdadeiro as fontes oficiais irão informar para a população em escala mundial; muitas coisas de impacto muito menor já foi inúmeras vezes acobertado ao longo da história e em diversas áreas; pelo simples motivo de quê não ha interesse para os “grandões” nos informar algo que só serviria para causar um enorme caus mundial incontrolável e insustentável a nível de governo em todos os cantos do mundo.E infelizmente eles tem “razão” de acobertar qualquer fato desta natureza por que não são loucos para causar pânico generalisado>

    12. Renan

      Olá Roca e demais pessoas! analisando anos tudo sobre este assunto,em várias fontes na internet, jornais, livros, declarações etc..e fico me perguntando e também pergunto a todos vocês o seguinte: Porquê então que pessoas de “altíssimo” nível cultural em várias áreas da ciência,independentemente de que área de atuação, pessoas estas super graduadas, muito estudadas, viajadas, que se dedicarão e se dedicam suas vidas em estudar, pesquisar, enfim, pessoas respeitadas em qualquer palanque político científico em qualquer parte no mundo enfim; estas dariam do nada a cara para bater em afirmarem a possibilidade do planeta em questão?? a troco do quê??? são burras como o Roca adora chamar assim os participantes deste?? será que são “burras” sendo que muitas dão re relho em nós todos em cultura adiquirida??? reflitam gente!!! abraço

    13. ROCA

      Não há interesse em esconder nada. Muito pelo contrário, os astrônomos querem descobrir ao máximo os objetos que populam nosso Sistema Solar.

      Na verdade, nos confins do Sistema Solar existem vários objetos (planetas anões) da ordem de grandeza de Plutão e Éris já descobertos, leia para entender:

      http://eternosaprendizes.com/2014/04/09/2013-fy27-mais-um-candidato-a-planeta-anao-habita-o-sistema-solar-exterior/

      http://eternosaprendizes.com/2014/03/31/2012-vp113-novo-candidato-a-planeta-anao-redefine-as-fronteiras-do-sistema-solar/

      No entanto o telescópio WISE, exímio caçador de corpos frios (cometas, asteroides. planetas anões, anãs marrons), não encontrou nenhum objeto do tamanho da Terra (o famoso planeta X?) até então e ele já vasculhou todo o céu.

      Leia para entender:

      http://eternosaprendizes.com/2014/03/07/wise-ja-descobriu-milhares-de-novas-estrelas-mas-ate-agora-nenhum-sinal-do-planeta-x/

      Como sabemos, há centenas de “planetas anões Xs”. Corpos menores já descobertos e provavelmente há mais 500 a 1.000 a descobrir. Veja a lista dos achados publicada pelo Mike Browm e escolha o “planeta X” que mais lhe agradar:

      http://www.gps.caltech.edu/~mbrown/dps.html

      Hoje, Abril, 16, 2014 temos:

      10 objetos que são efetivamente planetas anões (como Plutão),
      25 corpos que são fortes candidatos a planetas anões,
      47 objetos que talvez possam ser planetas anões,
      82 + 345 menores que estão no limite entre um asteroide de grande porte e um planeta anão.

      Os 10 maiores são:

      Ordem Nome diâmetro (km) albedo (%) magnitude absoluta (H)
      1 Éris 2330 99 -1.1
      2 Plutão 2329 64 -0.7
      3 Makemake 1426 81 0.1
      4 2007OR10 1290 19 2.0
      5 Haumea 1252 80 0.4
      6 Quaoar 1092 13 2.7
      7 Sedna 1041 32 1.8
      8 Orcus 983 23 2.3
      9 2002MS4 960 5 4.0
      10 Salacia 921 4 4.2

      Leia e entenda.

  7. ROCA

    Lembramos aos nossos leitores que os comentários que desrespeitarem os Termos de Uso do Blog não serão publicados.

    Para saber as regras: http://eternosaprendizes.com/termos-de-uso/

    Façam bom uso do blog, afinal este é um espaço para troca de conhecimento.

  8. daniela

    é so mandar uma bomba ou um missil, daqui a tres anos os países inventam alguma coisa ou diz o ditado (se não pode vence-lo junte-se a ele)

    1. ROCA

      Mandar um míssil ou bomba para onde mesmo?

  9. Claudio

    Já estou estocando a minha cachaça e as laranjas,
    quando ele chegar ficarei contemplando-o e biritando.

    Aconteça o que acontecer, estarei EBRIO.

    Fiquem com DEUS

    1. ROCA

      Mas não vai chegar nada… releia o artigo!

  10. alisson

    o planeta x nao existe ele foi despedaçado por uma colisao que deu origem aos menteoros que rodeio o sistema solar isso aconteceu a bilhos de anos e o planeta nao coseguio voltar ao seu estado redodo

  11. emmanuel

    Não há provas da existencia de nibiru??? A maioria dos escritos antigos cita esse corpo celeste e suas consequencias durante a passagem, inclusive a Biblia, onde o proprio Jesus cita o “abominavel desolador”, os maias , os sumerios ,os hopi,, ele esta presente em muitas culturas..Tudo que eu ja li na internet não me permite dizer se ele realmente existe, mas me permite juntar muitas peças de um grande quebracabeças. Vamos aos pontos:É obvio que se ele existir, os governos e a midia corporativa vão nega-lo até a ultima hora e farão o maximo para anular as informações q seja verdadeiras. O governo norteamericano criou a FEMA que o orgão de gestão de movimentações de emergencia, pesquise o site e veja que sua propaganda é explicita, inclusive eles ensinam como fazer seu kit de sobrevivencia, inclusive, esse kit vende ja pronto (evac pack, eu acho), para que seriam os milhares de caixões(p/ 4 pessoas) da FEMA espalhados pelo mundo? Quanto ao fato de não vermos nibiru, ja que sua orbita é bem excentrica, quase perpendicular ao sistema solar, só veremos ele quando estiver perto, ja que ele vem por baixo da Terra, na biblia Jesus diz, “vigiai pois o abominavel virá como o ladrão”. Pq a midia corporativa insiste em dizer que não será o fim do mundo? Pq realmente não será mesmo o fim do mundo,ele vai continuar aí como esta girando na mesma direção e velocidade, afinal se 6 bilhões de pessoas morerem como dizem, o mndo não vai acabar, é um ciclo.. Historicamente, a passagem de nibiru marcou eventos cataclismicos na antiguidade, o diluvio de Noé, o afundamento da Atlantida, quem sabe até a abertura do mar vermelo de Moisé, todos esses eventos batem certinho com o ciclo de nibiru, 3600 e poucos anos. São muitas coisas que batem certinho, é só pesquisar e fazer suas proprias analises. Uma coisa é certa, é preciso buscar o conhecimento, pois ele anula o medo e vc saberá o que fazer na hora do corre-corre. Chega de coisas como arrebatamento, 7 anos de tormentos e depois 1000 anos de gloria com a vinda de Jesus. São coisas que poderão até acontecer,mas o que importa saber e pesquisar bem o que esta dizendo, e não viver de trolagem de sermões religiosos.

    1. ROCA

      NÃO HÁ PROVAS DA EXISTÊNCIA DE NIBIRU ou qualquer objeto com órbita excêntrica de 3600 anos como alegam os mentirosos de plantão, os falsos profetas.

      Se você, Emmanuel, tem alguma prova, coloque as evidências aqui (links para fontes confiáveis).

      Mas não perca seu tempo, pois não irá encontrá-las.

    2. Hellhammer

      KKKKKKKKKKKKK……….. É MESMO? E quem elegeu a “Bíblia” como guia astronômico? O astrônomo Jesus? AHuahuahuahuahahuhauhuauau…

      Não vou nem tentar te convencer o contrário. Não vale a pena, afinal, “não vou jogar pérolas aos porcos”, ahuahauhuahuahua…

      (Cara, não acredito, isso tem que ser brincadeira… Estou chorando de rir…)

  12. F. Fernandes

    Só passaro de grandes proporções !

  13. Paulo Vitor

    LOL EU ACREDITO QUE AINDA VAI TER A 3a GUERRA MUNDIAL NESSE MUNDO!

  14. Juliana Garcia

    A história humana nos mostra as enormes quantidades de profecias que existem desde que o homem aprendeu a refletir sobre ele e o mundo. Na vida do ser humano tudo começa e tudo termina(imposto por nós ou não) chamado ciclo de vida/existência. Nós hoje em dia, como seres-humanos, não diferentes daquela época, continuamos a viver de profecias apocalíticas porque continuamos seres humanos. Se vc ler a história dos sumerianos vai entender de onde surgiu todas as profecias inclusive as histórias da bíblia, só que tudo, é claro, muito bem adaptado ao mundo no momento. Resumindo, tudo é uma repetição. O próprio pensamento humano é uma repetição de pensamentos passados.
    Quanto ao mundo acabar… EU ACREDITO PIAMENTE!!! Ele vai acabar em uma guerra nuclear causada, adivinhe por quem? O próprio ser-humano.

  15. Mortandello

    Flavio – por favor cite as fontes.
    Nao somos macacos estúpidos que acreditam que o dique vai estourar porque um velho banguela o diz.
    Cite a fonte, mostre o quadrado negro, mostre as fontes científicas que assinam isto e eu acredito em você.
    Antes disso – como sei que não haveram provas quero dizer: SEU MALUCO.

  16. Carlos Oliveira

    Para o Rui:

    Sugiro uma leitura sobre natureza da ciência. Obviamente que pelo seu comentário se nota que não percebe nada sobre o que é a ciência.
    Mas isso é normal.
    O que é totalmente anormal é vir comentar como se soubesse do que fala, num blog que é de ciência.
    Eu não sou parvo para ir fazer comentários de agricultura, para um blog de agricultura, como se soubesse do que falo.
    Porque é que alguns se lembram de cometer essa insensatez, é para mim algo que escapa ao pensamento inteligente racional.

    A ciência não se diz “verdade”.
    A ciência é o que de mais provável pode acontecer naquele momento, segundo tudo que sabemos.
    Daí o Rui utilizar computadores, que até têm internet, para escrever coisas disparatadas. Porque a Ciência e os cientistas deram-lhe isso. Não por ser a “verdade”, porque amanhã pode haver uma coisa melhor que a internet, mas sim porque é o que existe neste momento.
    E devido a este método é que o Rui tem a sociedade moderna. E disfruta dela.
    Por isso, aconselho menos doses de hipocrisia quando fala de ciência e do que ela lhe dá.

    Da mesma forma que se o Rui se atirar de um topo de um edifício de 20 andares, a ciência diz-lhe ke o mais provável é a Gravidade existir, e o Rui espatifar-se cá em baixo.
    Aconselho-o a fazer essa experiência e tentar perceber se o que a ciência diz é correcto ou não.

    Da mesma forma que a ciência lhe diz que se o Rui fôr contra uma parede, o mais provável é não passar por ela. Mas não é impossível. É simplesmente uma questão de probabilidade.

    Quanto às previsões científicas, esse é o poder da ciência. É o que a faz funcionar.
    A ciência prevê que a Gravidade vai funcionar se o Rui saltar, e ela funciona.
    A ciência prevê que o Rui vai dar com a cabeça na parede, e tem razão.
    A ciência prevê onde Marte vai estar amanhã, e lá está ele.

    Só a falta de inteligência pode explicar que, em face de milhares de previsões científicas acertadas todos os dias (não só em labs, mas no dia-a-dia das pessoas), ainda há quem ponha em questão as previsões da ciência.

    Quanto ao impacto de asteróides e cometas, se dependesse da ciência e dos cientistas, conseguíamos prever as quedas de todos os calhauzitos (como prevemos os meteor showers).
    Mas os políticos preferem as guerras aos métodos de detecção, e são eles que decidem o que fazer. Um dia a menos no Iraque já dava para prever mais 30% desses cometas e asteróides potencialmente perigosos para a vida na Terra.
    Mas o Rui, no alto da sua ignorância, prefere atacar a ciência e os cientistas, em vez de colocar a culpa em si por escolher quem não saber tomar as decisões correctas.
    É próprio de quem não sabe avaliar as situações, e é próprio de quem adora demonstrar publicamente a ignorância sobre os assuntos.
    Fez-me lembrar a Sarah Palin, extrema-direita, nos EUA. Será que é ela disfarçada de Rui?

  17. rui

    Posso não acreditar em Nibiru, planeta X ou fim de mundo em 2012, mas fim do mundo já o foi para muitas pessoas que faleceram em desastres climáticos. Foram tsunamis, sismos de grande amplitude, etc. etc. O planeta não acabou realmente, o que acabou foi a vida dessas milhares e milhares de pessoas que não estiveram prevenidas.

    Depois, a ciência que se diz “verdade”… Nem sequer consegue prever um tsunami!!!! Quanto mais o fim do mundo!!!!

    Há pouco tempo cairam meteoritos enormes um pouco por todo o mundo, provocaram explosões, fizeram ruído, libertaram bastante luz com as explosões. Depois surgiram os meteorologistas e astrónomos nos jornais a dizer “eram meteoritos” e bla bla. Porque é que não conseguiram prever isso antes de acontecer? Porque a ciência não tem respostas para tudo! Porque a ciência, que se diz detentora de verdade, não o é a 100%… Porque um meteorito cair na Terra é algo de imprevisível pela dita ciência.
    Então imaginem um cometa ou asteroide… Acham que a mesma ciência irá prever alguma coisa para o futuro, se nem para o presente soube prever?
    E depois um cientista dizer que até 2012 não haverão cometas no sistema solar é algo não científico… Hoje mesmo pode passar um cometa no sistema solar que os astronomos nem dão conta disso (quantas e quantas vezes isso não aconteceu?). Aliás todos os anos passam vários cometas no sistema solar. Muitos deles nem são observáveis a partir do nosso planeta.

  18. Carlos Oliveira

    Não haverá qualquer fim-do-mundo.
    Essa é uma estupidez sem sentido.

    Leiam toda a verdade:
    http://astropt.org/blog/2008/08/22/2012/

  19. Maria

    Só gostava de saber pq é k os homens têm tanto interesse em saber qdo acaba o mundo!!!
    Em k é k isso munda o nosso modo de viver egoísta?
    E se acreditam mesmo nisso, como é k se preparam para esse momento?
    Comendo e bebendo e tendo tudo enqto outros morrem de fome?
    Termino usando uma frase publicitária da T.V.: “mude o seu mundo e o mundo mudará”!

  20. dominique

    se isso for verdade ate la pessoal

  21. Rizzelli

    Caro Sr. Roca e amigos,
    Vamos aguardar um pouco mais. “Tanto os crédulos quanto os céticos”, segundo a lógica da pesquisa científica, “estão nos extremos, devendo, logicamente, suas opiniões serem desprezadas pelo verdadeiro pesquisador” (Popper). Na verdade, seria de extrema ingenuidade afirmar que o Planeta X está às nossas portas, como negar o fato. Quem conhece a NASA sabe como ela trabalha. Não se iludam, meus caros, ela não é uma agência de pesquisas espaciais MUNDIAL. Em conversas informais, com professores doutores em física e astronomos da UFMG e da UFRGS, foi-me dito que nem a afirmação nem a negação da existencia de tal planeta são assuntos encerrados. Portanto, a quem tenha interesse no assunto recomenda-se pesquisar junto a especialistas – astronomos. Repórteres, bloggers, youtubers e outros navegantes nada sabem, não indo suas falas muito além do que meras opiniões. O pesquisador é paciente. Logo, se algum planeta está se aproximando do Sistema Solar, como perigeu de sua órbita excentrica, não haverá como negar o fato em 2011, eis que, se a tese estiver correta, será visto a olho nu, bem como nos diversos observatórios mundiais. E a NASA, que os brasileiros tanto admiram, como sempre, só divulgará oficialmente seus “reports” quando o assunto já estiver confirmado ou refutado. Portanto, é cedo para negar, tanto quanto para afirmar. Abraços.

    1. ROCA

      Não há nenhuma evidência de objeto massivo a se aproximar da Terra, nem agora, nem em 2012, nem no futuro próximo, nem em milhões de anos. Planetas não possuem órbitas ultra-elípticas-excêntricas como diz a teoria absurda de Nibiru. Só cometas se comportam assim.
      .
      O Planeta X, se existe, está muito além do cinturão de Kuiper, e isto já foi explicado aqui:
      A procura do Planeta X:
      http://eternosaprendizes.com/2009/03/11/a-procura-pelo-planeta-x-vai-ganhar-um-reforco-extra-do-observatorio-pan-starrs/
      .
      Para entender sobre isso compre e leia o livro de Govert Schilling – The Hunt for Planet X (Springer, 2008).
      http://www.newscientist.com/article/mg20126937.300-review-the-hunt-for-planet-x-by-govert-schilling.html

    2. Carlos Oliveira

      Caro Rizelli,

      Quem espera são os pseudo. Esperam pelo Pai natal (Papai Noel), pelas fadas, e que a Lua lhes traga boa sorte.

      Os cientistas conseguem prever todos os dias em laboratório as coisas.

      Há-de-me dizer quem são os professores, porque gostaria de ter uma palavrinha com eles…

      A NASA divulgará esses relatórios secretos de que só o Rizelli sabe que existem, ao mesmo tempo que vai divulgar os reports sobre o Pai Natal e sobre o Monstro de Esparguete Voador.

      Será que as pessoas são assim tão estúpidas que não percebam que estão a dar os mesmos argumentos que deram em 1997, 1999, 2000, 2003, etc, só para ir aos últimos anos???

      Será que têm todos memória de peixe e somente 2 neurónios no cérebro???

      É incrível o nível baixo de literacia da população que gosta de comentar.

      Toda a verdade:
      http://astropt.org/blog/2008/08/22/2012/

  22. Franci

    Nossa…se Nibiru realmente existisse já teria sido observado, afinal faltam praticamente, pequenos 03 anos para 2012. Impossível que não tivesse sido captado pelos telescópios já que sua massa é maior que a da Terra. Quanto a NASA esconder a existência do planeta que irá destruir o mundo, não faz sentido já que o tal planeta afetaria a tudo e a todos, indistintamente. Diante da catástrofe que anunciam, não haveria lugar onde se esconder. O que acontece é que o Sr. Sitchin deve estar com uma polpuda conta bancária por conta dos sumérios.

    1. ROCA

      No artigo abaixo analisamos isso:
      A procura pelo planeta X vai ganhar um reforço extra do observatório Pan-STARRS
      O astrônomo Lorenzo Iorio provou que um “Nibiru” do tamanho de Marte tem que estar a mais de 70 a 85 UA para não ter sido detectado gravitacionalmente. Lembro que Netuno está a ~30 UA, o cinturão de Kuiper termina em ~55 UA. Como um objeto a mais de 85 UA vai chegar aqui em 3 anos? Totalmente impossível. Nem um cometa conseguiria isto, muito menos um planeta errante…

    2. Franci

      E, em se supondo que Nibiru existisse e, devido a distância tivesse conseguido escapar da detecção, pelo tamanho (aproximadamente o tamanho de Marte, pouco mais), e, realmente, em 03 anos ele teria que “rebolar” para chegar aqui, os adeptos dizem que o que acontece em termos de clima na Terra já são “sinais” da aproximação de Nibiru. Mas, o que se diria da influência que Nibiru estaria exercendo sobre planetas e outros objetos que estariam mais próximos dele em se fazendo o caminho inverso, tipo Plutão, Sedna, Netuno, Jupiter, etc…. Provavelmente, Nibiru estaria influenciando bem mais do que só a Terra. Na verdade, me parece que a humanidade, como costumeiramente faz, está tentando achar um “bode expiatório” para justificar sua falta de respeito para com a natureza e ao Planeta em que vive.
      Obrigada pelo retorno. (já sou fã desse lugar..só falta a carteirinha…)

  23. Flavio

    Leia “Mensagens do Astral”, de Ramatis.
    O governo americano sabe da existencia do Planeta X, pois ele está vindo em nossa direção pelo Polo Sul (onde até 2007 não havia telescopio).
    No Google Sky, a localização do Planeta X foi “apagada”(colocaram um quadrado negro, uma especie de tarja na imagem).

    1. ROCA

      Flávio,

      Não tem o menor sentido o que você está falando.
      Além disso o ‘governo americano’ não manda na astronomia americana e muito menos na astronomia global. Isso é um mito mentiroso.
      Não subestime os outros órgãos como a ESA (Agência Espacial Européia) que não tem a menor influência dos EUA.
      .
      Quanto ao ‘quadrado’ do google-sky, isso já foi desmistificado aqui mesmo:
      http://eternosaprendizes.com/2009/01/12/2012-nao-havera-nenhum-cometa-assassino-nibiru-ou-planeta-x/
      .
      Leia por favor!

  1. 2012: Dr. Neil deGrasse Tyson fala sobre o tema e explica sobre o alinhamento galáctico » AstroPT - Informação e Educação Científica

    […] Tyson falou em FORA.TV – The World is Thinking ao responder uma pergunta da platéia sobre o planeta X (Planet […]

  2. 2012: Não haverá inversão dos pólos magnéticos da Terra » AstroPT - Informação e Educação Científica

    […] de 2012, nosso planeta experimentará um poderoso evento. Desta vez não estamos falando do Planeta X, Nibiru ou de uma tempestade solar “assassina”, este evento que citamos agora terá […]

  3. 2012: Não Haverá o ‘Fim do Mundo’ » AstroPT - Informação e Educação Científica

    […] será descomunal e muitos fiéis crêem que isto vai acontecer de verdade. Pode até ser que o Planeta X esteja vindo por […]

  4. 2012: o Planeta X não é Nibiru » AstroPT - Informação e Educação Científica

    […] discutimos no artigo “2012: Não haverá Planeta X“, os falsos profetas do apocalipse têm vinculado a busca atual do Planeta X à antiga […]

  5. Esperança e Ilusão | Blog de Astronomia do astroPT

    […] citarei um exemplo: o tal do Nibiru. Já foi explicado dezenas de vezes, como por exemplo, aqui, aqui, aqui, aqui, aqui, aqui, aqui, aqui, aqui, aqui, aqui, aqui, aqui e aqui, que o fictício Nibiru […]

  6. Nibiru – A Saga Continua | Blog de Astronomia do astroPT

    […] mais uma vez, é falsa a existência de Nibiru, tal como afirmam!Para saber mais clique aqui, aqui e aqui. __spr_config={pid:'4eeb6c11396cef089600005c',title:'Nibiru – A Saga […]

  7. 2012: Dr. Neil deGrasse Tyson fala sobre o tema e explica sobre o alinhamento galáctico « Eternos Aprendizes

    […] Tyson falou em FORA.TV – The World is Thinking ao responder uma pergunta da platéia sobre o planeta X (Planet […]

  8. 2012: Não haverá tempestade solar assassina « Eternos Aprendizes

    […] 2012: Não haverá Planeta X […]

  9. 2012: Não haverá inversão dos pólos magnéticos da Terra « Eternos Aprendizes

    […] de 2012, nosso planeta experimentará um poderoso evento. Desta vez não estamos falando do Planeta X, Nibiru ou uma tempestade solar “assassina”, este evento terá suas origens nas […]

  10. 2012: o Planeta X não é Nibiru « Eternos Aprendizes

    […] 2012: Não haverá Planeta X […]

Deixe uma resposta