»

ago 01

2005 FY9: um corpo distante do Cinturão de Kuiper chamado Makemake é o quarto planeta-anão

Makemake ou 2005 FY9 é o quarto planeta-anão nomeado pela UAI (União Astronômica Internacional)

Makemake ou 2005 FY9 é o quarto planeta-anão nomeado pela UAI (União Astronômica Internacional)

Um dos maiores objetos do Cinturão de Kuiper, um anel de corpos gelados para depois da órbita de Netuno, ganhou o nome de (136472) Makemake, um deus da cultura do povo da Ilha da Páscoa.

Mas a UAI (União Astronômica Internacional), a organização que tem o poder para nomear os objetos descobertos no Sistema Solar, poderá ter muito mais dificuldade em batizar o quinto planeta anão devido à controvérsia que rodeia a sua descoberta.

Makemake, anteriormente conhecido como 2005 FY9, é o primeiro planeta anão a receber um nome desde 2006, quando o seu vizinho gelado 2003 UB313 ganhou o nome de Éris, a deusa Grega da discórdia. Juntaram-se assim a Plutão e Éris como os únicos “plutóides” com nome, um termo estabelecido pela UAI para descrever objetos tipo-Plutão além da órbita de Netuno, neste caso, dois objetos do cinturão de Kuiper.

O nome Makemake pertence ao deus que criou a Humanidade e o deus da fertilidade na cultura mitológica de Rapa Nui, da Ilha da Páscoa. O nome foi proposto por Mike Brown, Chad Trujillo e David Rainowitz, o time da Caltech que descobriu Makemake, em 31 de março de 2005, pouco antes das festividades da Páscoa. Makemake é o quarto planeta-anão no sistema Solar e o terceiro plutóide (o planeta-anão Ceres não é considerado um plutóide, pois está fora do cinturão de Kuiper). Makemake é hoje o segundo KBO (objeto do cinturão de Kuiper) mais brilhante no céu, após Plutão, com uma magnitude aparente calculada em +16,7. Makemake é atualmente visível na constelação de Coma Berenices, mas apenas telescópios amadores de alta-performance conseguem vê-lo.

O telescópio espacial Hubble capturou a imagem de Makemake. Crédito: Mike Brown/HST

O telescópio espacial Hubble capturou a imagem de Makemake. Crédito: Mike Brown/HST

O observatório espacial Spitzer estudou Makemake dentro do espectro infravermelho, encontrando metano, possivelmente na atmosfera do planeta-anão. O seu tamanho não é conhecido com precisão, mas os dados do Spitzer, combinados com análises de similaridade com Plutão, indicam um diâmetro de 1.500 km. Não foram detectados satélites orbitando Makemake.

Não foi fácil batizar o quarto planeta anão…

Mike Brown diz que teve dificuldade em arranjar um nome adequado para sugerir porque o objeto, “redondo e com um tamanho estimado de mais da metade do tamanho de Plutão”, não tem muitas características marcantes. “Este foi mesmo difícil. “Em genal é normal existir um nome sugestivo que nos diz algo, um que relacionamos diretamente ao objeto”, segundo disse Mike Brown a New Scientist.

Embora pensar no nome tenha sido uma tarefa complicada, a aprovação e nomeação oficial de Makemake foi até fácil, diz o astrônomo Brian Marsden, secretário do comitê da UAI sobre a Nomenclatura de Pequenos Corpos, um dos dois comitês da UAI que são conjuntamente responsáveis pela nomeação de planetas anões. Ele diz que o nome foi submetido há seis meses e foi escolhido após uma discussão relativamente pequena.

Controvérsias: quem descobriu o quinto planeta anão?

O próximo plutóide na mesa da UAI a receber um nome, o quinto planeta-anão, um corpo alongado chamado 2003 EL61, certamente será alvo de disputa acirrada. A UAI disse que dará preferência a sugestão de nome dada pelo descobridor do planeta anão. Mas dois times distintos – o de Mike Brown e outro liderado por Jose-Luis Ortiz do Instituto de Astrofísica da Andaluzia em Granada, Espanha – reivindicam para si o mérito da descoberta do planemo 2003 EL61.

Registros de observação foram ‘espionados’?

Ortiz anunciou a descoberta no dia 28 de julho de 2005, mas registros em servidores mostram que alguém do seu instituto acessou os registros on-line das observações da equipe de Brown dois dias antes.

Ortiz afirma que descobriu os registros depois de um estudante lhe ter mostrado imagens do objeto no dia 25 de julho de 2005. Ele diz que a sua equipe tinha notado um objeto semelhante descrito pelo time de Brown em uma ata de uma reunião registrada no sistema (‘abstract’) dias antes e que tinha pesquisado na web, buscando mais informação.

Mas Mike Brown, que apresentou queixa sobre isso diante a UAI em agosto de 2005, questionou se a equipe espanhola tinha realmente identificado 2003 EL61 antes de ver o tanto o resumo quanto os registros telescópicos do time de Mike Brown.

Os dois os grupos submeteram nomes para 2003 EL61 há cerca de 18 meses e  os comitês da UAI começaram em junho de 2009 a discussão sobre os nomes. “Ninguém sabe ainda qual o nome que os comitês irão aceitar”, Marsden disse a New Scientist. “Talvez seja esta a razão por termos resolvido o problema de Makemake primeiro. Esse era fácil de solucionar [pois não havia disputa]”.

Como terminou esta história? Veja o resultado da disputa no artigo: Vamos saudar ‘Haumea’ o quinto planeta-anão

Fontes e referências:

IAU.org – 19/07/2008: News Release – IAU0806: Fourth dwarf planet named Makemake

Universe Today:

The Register: Third plutoid christened ‘Makemake

Space.com:

New Scientist:

Astronomy.com: Fourth dwarf planet named Makemake

Mike Brown’s Planets:

Por que Plutão não é mais um Planeta?

Vamos saudar ‘Haumea’ o quinto planeta-anão

9 menções

Pular para o formulário de comentário

  1. MK 2: Hubble revela uma lua orbitando o planeta anão Makemake » O Universo - Eternos Aprendizes

    […] O Cinturão de Kuiper é um vasto reservatório de matéria congelada deixada para trás durante a construção do nosso Sistema Solar há 4,5 bilhões de anos. Lá residem vários planetas anões. Alguns destes mundos têm satélites conhecidos, mas esta é a primeira descoberta de um objeto companheiro de Makemake. Makemake é um dos cinco planetas anões reconhecidos pela UAI (União Astronômica Internacional). De fato, Makemake foi o 4º a ser oficialmente selecionado pela UAI. […]

  2. 2013 FY27: candidato a planeta anão habita o Sistema Solar exterior » O Universo - Eternos Aprendizes

    […] objeto mais brilhante entre os corpos gelados além da órbita de Netuno (depois de Eris, Plutão, Makemake, Haumea, Sedna, 2007 OR 10, Orcus e Quaoar, nessa ordem). Sabemos que traduzir o brilho de um […]

  3. Cientistas do ESO revelaram que o planeta anão Makemake não tem atmosfera » O Universo - Eternos Aprendizes

    […] 2005 FY9: um corpo distante do Cinturão de Kuiper chamado Makemake é o quarto planeta-anão […]

  4. As grandes luas devem ser chamadas de planetas-satélite? « Eternos Aprendizes

    […] você mover a Terra colocando-a no cinturão de Kuiper, a própria Terra seria destronada e reclassificada para um ‘planeta anão’, porque ela também não vai conseguir dominar a sua órbita […]

  5. Blog de Astronomia do astroPT » As grandes luas devem ser chamadas de planetas-satélite?

    […] você mover a Terra colocando-a no cinturão de Kuiper, a própria Terra seria destronada e reclassificada para um ‘planeta anão’, porque ela também não vai conseguir dominar a sua órbita […]

  6. Por que Plutão não é mais um Planeta? « Eternos Aprendizes

    […] Os objetos encontrados no Cinturão de Kuiper pelos astrônomos foram tornando-se maiores. O KBO 2005 FY9 (Makemake),  descoberto pelo astrônomo Mike Brown e sua equipe, era um pouco menor do que Plutão apenas. E […]

  7. Haumea: uma enorme mancha escura vermelha detectada no planeta-anão deixa os astrônomos intrigados « Eternos Aprendizes

    […] de Kuiper’. Haumea é o quarto maior KBO (Kuiper Belt Object), depois de Éris, Plutão e Makemake. Estes grandes KBOs, juntamente como o asteróide Ceres do cinturão de asteróides formam a […]

  8. A galáxia M87 dá um show cósmico que foi assistido por 390 astrônomos « Eternos Aprendizes

    […] UA) e bem além do Cinturão de Kuiper (30 a 55 UA) onde residem os planetas-anões Plutão, Éris, Makemake e […]

  9. Vamos saudar ‘Haumea’ o quinto planeta-anão « Eternos Aprendizes

    […] Com essa decisão Haumea passa a ser o quinto planeta-anão da família, cujos demais membros são Ceres, Plutão, Eris e Makemake. […]

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

error: Esse blog é protegido!